A história do surgimento dos primeiros bairros da Zona Norte do Rio de Janeiro - Diário do Rio de Janeiro

A história do surgimento dos primeiros bairros da Zona Norte do Rio de Janeiro

0

Engenhão Nas minhas navegadas ao sabor do vento na Internet, encontrei um post no blog Saiba História que conta rapidamente a história do surgimento  dos bairros dos Engenhos (Engenho de Dentro, Engenho Novo e Engenho da Rainha).

Engenho de Dentro, Engenho Novo e Engenho da Rainha. Não é à toa que esses bairros vizinhos têm nomes parecidos. Ainda no tempo de Estácio de Sá, no século XVI, após a fundação da cidade e com a distribuição de terras, surgiram inúmeros engenhos, boa parte de cana-de açúcar e de café. Daí, com o passar dos anos, as fazendas foram sendo divididas, e os primeiros bairros da Zona Norte, criados.

O bairro do Engenho da Rainha, por exemplo, fez parte das terras pertencentes à rainha Dona Carlota Joaquina, casada com D. João VI, mãe de Dom Pedro II.

A origem do engenho de Dentro, que recebeu um estádio com capacidade para 45 mil pessoas, está intimamente ligada ao transporte ferroviário. A estação que recebe o nome do bairro é uma das mais antigas do Rio, inaugurada em 1858, junto com as da Central do Brasil, de Cascadura, Queimados e Japeri. No terreno de 360 mil metros quadrados onde foi construído o Engenhão, funcionou uma das maiores oficinas de manutenção de locomotivas da América do Sul.

Bem, é curtinho, mas é bem interessante.

Quintino Gomes Freire
Diretor de mídias sociais na Agência B5, palestrante, publicitário, Defensor do Carioca Way of Life e Embaixador do Rio. Começou o Diário do Rio em 2007 e está a frente dele até hoje o levando ser um dos principais portais sobre o Rio de Janeiro.
Quintino Gomes Freire

Latest posts by Quintino Gomes Freire (see all)

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Comente