Em dia de inauguração do BRT, trânsito caótico na Barra da Tijuca | Diário do Rio

Em dia de inauguração do BRT, trânsito caótico na Barra da Tijuca

18

BRTHoje teve a inauguração do BRT, obra a qual tenho minhas milhares de críticas, primeiro por ser burra, retirou-se uma faixa mas não exatamente o número de carros, deveria ter feito uma nova, uma não, duas, porque se um ônibus parar, o engarrafamento será catastrófico. Fora que o ideal é que fosse um trem e não sobre rodas, sem contar que morador da Barra deixará o carro em casa para ir só até a Alvorada?

Pois hoje, bem na inauguração, a Barra da Tijuca voltou a sofrer com seu trânsito caótico. Quem acompanhar o @LeiSecaRJ pôde ler os comentários de engarrafamentos desde manhã cedo, na Linha Amarela, Av. das Américas e Salvador Allende. Teve gente demorando quase uma hora para ir do Barra Shopping até o Downtown.

E é provável que o trânsito aumente ainda mais nessa parte das Américas, com o Túnel da Grota Funda o número de carros circulando tanto nas Américas quanto na Lagoa-Barra vai crescer, afogando ainda mais o já complicadíssimo trânsito da região. O tempo ganho pelo morador da Zona Oeste com o túnel vai ser perdido mais a frene.

Não adianta continuar abrindo mais e mais estradas. O transporte rodoviário simplesmente não cabe mais em um megalópole, pensar em formas de transporte alternativas, incluindo trens e metrôs é essencial. Mas isso, pelo jeito, não dá voto…

Quintino Gomes
Defensor do Carioca Way of Life, morou em Jacarepaguá a vida toda, trabalhou na Zona Oeste, na Zona Norte, Centro e Zona Sul. O pai é português e a mãe carioca da Gema, do Bairro de Fátima

18 Comentários

  1. Qualidade de vida numa cidade é diretamente proporcional aos quilômetros de trilhos que a cortam. Transporte ferroviário e metroviário é a única alternativa viável para que uma cidade seja civilizada, organizada e limpa. Infelizmente as empresas de ônibus mandam no Rio…aí fica difícil.

  2. O grande problema nao é nao dar voto, é que os governos corruptos sao refens das companhias de onibus pois essas financiam suas campanhas, é só ver que ao pintar os onibus de cinza, os nomes das empresas foram camuflados, como se os onibus fossem publicos.

  3. Embora eu seja um grande defensor dos sistemas de transporte sobre trilhos e acredito que de fato esta seja a solução dos problemas de transporte nas grandes cidades (bem como no Rio), eu aprendi a ver esta solução do BRT de um ponto de vista mais favorável.
    Implementar trens e (sobretudo) metrôs demanda muito mais tempo e dinheiro que o caso dos BRTs. Além disso, se o BRT funcionar com sucesso, ou seja, com intervalos regulares, com qualidade e conforto no atendimento e transporte, a cultura da população pode ser mudada. Hoje, uma pessoa prefere sair de casa de carro a pegar um ônibus, porque se sentir mais confortável assim, fazendo com que o trânsito se encha de carros com um ou dois passageiros e gere os congestionamentos. Se estes motoristas se sentirem confortáveis com a opção de trocar o trajeto de carro por um BRT, a troca será natural e o número de carros particulares nas ruas poderá cair.
    Mas isso de maneira alguma deve ser uma solução definitiva para o nosso problema.

    • Um bom exemplo do projeto é a seletiva da avenida brasil.
      Tenho minhas duvidas se realmente isso melhorará o fluxo, pode ser de forma inicial, a curtissimo prazo já estará congestionado, sem contar que o bom senso não é pratica do brasileiro… Sistema de trilhos andam exclusivamente o metro/trem/bonde etc…

    • O Transoeste foi feito de fato numa área menos propícia para metrô, pois é menos adensada e longe do Centro, além de não encontrar com outras vias feroviárias pelo meio. Mesmo assim, todo quebra-galho de transportes só deveria ser implementada com um plano de substituição por um modal mais eficiente. E minimizando impactos que um modl mais pesado não causasse. Por exemplo: a Transcarioca está sendo feita causando desapropriações e impactos que um metrô subterrâneo não causaria.

  4. Essa notícia distorce todo o projeto.. A inauguração foi em Santa Cruz as 9:00h.. O transito que começou as 7 na barra é por conta do feriado e da chuva (todos usam carro)… O BRT vai circular em uma pista exclusiva com refúgios de 500 em 500m.. Se enguiçar, o que está atrás saberá por rádio e desviará usando a pista dos carros por apenas 500m.. O rebote utilizará a via exclusiva para agilizar a retirada.. Concordo que deveriam criar uma faixa nova mas a briga com os ambientalistas foi dura demais por conta das árvores.. Além disso, com a entrada do BRT, as linhas comuns serão reduzidas drasticamente, o que melhora o fluxo de veículos.. Por favor, estude o projeto..

  5. Pingback: A transição do modelo de mobilidade | CaosCarioca

  6. descordo completamente dessa materia o transito da zona oeste dos moradores que sao a maioria dos que trabalham na barra e no recreio duvido que os ilustres moradores que reclaman dessa obra iam trabalhar no shoppings mercados e nas casas de familia as pessoas querem morar na barra mas esquecem que os trabalhadores que servem os moradores vem de longe da zona oeste, nos moradores da zona oeste estamos muitos felizes com a obra da prefeitura do rio foi uma vitoria pra zona oeste e para um transportes de dignidade para os que precisam, as pessoas que usam seus carros 4×4 com ar condicionado só pensam e si e nao na maioria da populaçao!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  7. Pingback: Rio+20: Brazil’s big test – Christian Science Monitor | Dubai News|Dubai Hotels|Dubai Business

Leave A Reply