História do Edifício Avenida Central - Diário do Rio de Janeiro

História do Edifício Avenida Central

0

Edifício Avenida Central nos anos 60

Localizado em um ponto estratégico do Centro do Rio de Janeiro (ao lado do Largo da Carioca e junto à Rio Branco), o Edifício Avenida Central não teria como escapar de ser uma construção com a marca da Cidade Maravilhosa.

Construção do Edifício Avenida Central 2

O Edifício Avenida Central foi inaugurado em 22 de maio de 1961, durante o governo de Carlos Lacerda. Nesse período, o Rio de Janeiro integrava sozinho o Estado da Guanabara.


Com mais de meio século de tradição no mercado imobiliário da Cidade do Rio de Janeiro, a Sergio Castro Imóveis apoia construções e iniciativas que visam o crescimento da Cidade Maravilhosa.

Construção do Edifício Avenida Central

A construção, que levou três anos para ser encerrada, foi a primeira do centro do Rio de Janeiro erigida em estrutura metálica, em lugar do concreto armado. Também foi a primogênita a utilizar o estilo arquitetônico que tem como marca torres sobre placas que abrigam pavilhões.

Hotel Avenida

O prédio foi erguido no mesmo local do antigo edifício do Hotel Avenida, muito popular nos anos 1940. No mesmo espaço ficava a Galeria Cruzeiro e o ponto terminal de bondes da Zona Sul – conhecido como Tabuleiro da Baiana.

Hotel Avenida - Galeria Cruzeiro

“Para os carnavalescos, a Galeria Cruzeiro tinha um significado especial: foi um dos principais cenários do carnaval carioca, concentrando os foliões que chegavam nos bondes lotados, saindo diretamente para as mesas de mármore dos bares” destaca Leonardo Ladeira, na coluna do patrimônio histórico do site Rio e Cultura.

Incêndio no Avenida Central 2009 - O Globo

Em agosto de 2009, o Edifício Avenida Central sofreu um incêndio de pequenas proporções no depósito de manutenção de óleo, que fica no subsolo. Algumas lojas foram inundadas pela água utilizada para apagar as chamas que, embora contidas, assustaram os vizinhos.

Quando completou 50 anos, em 2011, o Edifício Avenida Central recebeu muitas homenagens. Entre elas, a exposição “Edifício Avenida Central – 50 anos”, organizada pelo designer Ricardo Simões. Nessa mostra, o público pode conferir detalhes da arquitetura e da evolução não só do edifício histórico, mas também do próprio Largo da Carioca e da Avenida Rio Branco.

Largo da Carioca por Rodrigo Soldon

“O Edifício Avenida Central sempre teve vocação para o novo. Foi marco da arquitetura moderna no centro do Rio e, em meados dos anos 1990, quando a informática ainda era uma novidade distante no Brasil, o prédio já era um espaço voltado para essas tecnologias. Por isso, ainda hoje é muito importante” conta o historiador Maurício Santos.

Felipe Lucena
Felipe Lucena é jornalista, roteirista e escritor. Filho de nordestinos, nasceu e foi criado na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Apesar da distância, sempre foi (e pretende continuar sendo) um assíduo frequentador das mais diversas regiões da Cidade Maravilhosa.
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Comente