Independência do Rio de Janeiro? - Diário do Rio de Janeiro

Independência do Rio de Janeiro?

0

Mapa do Rio de Janeiro Se há algo que a incompetência de Sergio Cabral, a inabilidade de Lula e a vontade de aparecer de Ibsen Pinheiro causou foi trincar o pacto federativo, ou seja, o Brasil como nação. Nunca antes na história do Rio de Janeiro, ao menos a recente, se ouve nas ruas tanta gente falando de secessão, ou melhor, de independência que salvou você e eu quase ninguém conhece a expressão.

 

Sempre escutei de separatistas gaúchos, até paulistas, mas a idéia de criar uma República da Guanabara? Nunca!!! O Rio de Janeiro é a cola que une o Brasil, foi aqui escolhido para ser a capital do Reino de Portugal durante a ocupação francesa, fomos a capital do Império e da República até meados do século passado. Nunca aconteceu aqui uma Farroupilhas, no máximo uma Revolta da Vacina e o máximo de separatismo foi a República de Ipanema.

Se as questões dos royalties são seríssimas, acho que essa ameaça inteira ao Brasil é muito pior, como disse o ex-vereador Paulo Cerri em seu Twitter:

Fato é que irresponsabilidade de Lula e bravatas de SCF ameaçam unidade federativa. Isso é o mais grave.

A questão fica: o Rio e o Brasil suportariam um ficar sem o outro? O Brasil perderia o petróleo, o estado que é sua porta de entrada, boa parte das Forças Armadas e a cultura audiovisual (cinema, Tv…). E o Rio? Apenas metade vem da Usina de Angra, outra boa parte vem de Itaipu (Paraná) e o Rio não produz urânio. Sem contar outras tantas questões.

 

O difícil é ver que esta questão está sendo discutida… Como disse Miriam Leitão, sobre os royalties:

Está faltando tudo neste debate: racionalidade, respeito a contratos, respeito às leis do país e principalmente liderança. O presidente Lula não tem o direito de se abster de um conflito federativo dessas proporções provocado unicamente por ele mesmo e seu governo.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Quintino Gomes Freire
Diretor de mídias sociais na Agência B5, palestrante, publicitário, Defensor do Carioca Way of Life e Embaixador do Rio. Começou o Diário do Rio em 2007 e está a frente dele até hoje o levando ser um dos principais portais sobre o Rio de Janeiro.

Comente