Museu do Amanhã comemora 1 ano neste domingo com programação gratuita - Diário do Rio de Janeiro

Museu do Amanhã comemora 1 ano neste domingo com programação gratuita

0

Amanhã, domingo 18/12, o museu queridinho dos cariocas, o Museu do Amanhã, faz seu aniversário de um aninho com programação especial para o público. Haverá gratuidade de ingressos e atividades na área interna e externa. A comemoração inicia às 11h com a Feira “O Banquete”. Cerca de 70 barracas de gastronomia, artesanato, produtos naturais e orgânicos ocuparão os jardins do Museu do Amanhã. Ainda haverá apresentação da Expo Passinho Carioca, roda de samba com Prata Preta, além de  cortejo com outros blocos da região portuária, conversa com os professores Eliane Costa e Luiz Antonio Simas, visitas guiadas pelo Boulevard Olímpico e Cais do Valongo com o historiador Guto Nobre, e ainda uma série de oficinas e atividades educativas. A programação completa está disponível no site.

Pao-do-OuvidorCada vez mais, o Shopping Paço do Ouvidor se fortalece como ponto de encontro no centro do Rio. Se você ainda não conhece, deveria conhecer. Passa no Paço.

 Em um ano de operação, o Museu do Amanhã superou marcas, conquistou recordes e premiações, tornou-se ícone do Rio de Janeiro e do Brasil. São inúmeros motivos para celebrar. O museu de ciência brasileiro recebeu cerca de 1,4 milhão de visitantes, um número extraordinário para instalações culturais no País, e o triplo do que havia sido previsto inicialmente pela Prefeitura. Além de se consagrar como uma das principais atrações turísticas do Brasil, o Museu do Amanhã passou a ser considerado um local democrático, de acesso a públicos com perfis diversos, uma referência de inclusão social. E ainda atingiu a primeira colocação entre os lugares do Brasil mais fotografados no Instagram em 2016 com base em geotags.

O Museu do Amanhã conquistou notoriedade global ao longo desse primeiro ano com mais de dez reconhecimentos internacionais, incluindo o “Oscar dos Museus”, prêmio britânico Leading Culture Destinations Awards, que elegeu a instituição carioca como o “Melhor Novo Museu do Ano”; e o International Design & Communication Awards (IDCA), condecoração canadense que concedeu uma medalha de ouro e duas de bronze à instituição.

E dado importante neste 1 ano, o Museu do Amanhã tem importante papel de inclusão: muitos dos visitantes não eram frequentadores habituais desse tipo de espaço cultural e 12% nunca haviam estado antes em um museu.

Museu do Amanhã em números:

  • Cerca de 1,4 milhão de visitantes;
  • Mais de 10 reconhecimentos internacionais – entre premiações, menções honrosas e homenagens de organizações do setor, conferências e seminários especializados nos mais variados países;
  • 1ª colocação entre os lugares do Brasil mais fotografados no Instagram em 2016 com base em geotags;
  • 36 horas de funcionamento ininterrupto no primeiro fim de semana de funcionamento, com 25.473 visitantes;
  • 50 mil pessoas recebidas pelo Programa de Educação, das quais 30 mil são alunos das redes pública e particular;
  • 1.438 grupos atendidos em experiências mediadas;
  • 825 grupos escolares recebidos;
  • Pesquisa de público realizada pelo Museu: 98% de aprovação, 91% aprova o atendimento e 12% – cerca de 100 mil visitantes – nunca haviam estado antes em um museu;
  • 3.878 pessoas com deficiência já visitaram o Museu;
  • 16 exposições temporárias;
  • 122 atualizações com novas informações, imagens e vídeos na Exposição Principal;
  • Observatório do Amanhã: 19 artigos publicados, 41 palestras realizadas, 13 exposições virtuais e mais de 250 mil pessoas nos cerca de 600 eventos realizados;
  • Laboratório de Atividades do Amanhã:
Quintino Gomes Freire
Diretor de mídias sociais na Agência B5, palestrante, publicitário, Defensor do Carioca Way of Life e Embaixador do Rio. Começou o Diário do Rio em 2007 e está a frente dele até hoje o levando ser um dos principais portais sobre o Rio de Janeiro.
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Comente