Nova mania carioca, As lojas de Brigadeiro no Rio de Janeiro

Brigadeiro por LucyAparentemente a nova mania do carioca se chama Brigadeiro. O que tem de loja de brigadeiro abrindo pelas ruas e shoppings deve ser maior do que as de cupcake. Até o blog “O Que Acontece no Rio” noticia a abertura de duas lojas da Brigaderia Chic. E essa é só uma delas, sem contar as que vendem apenas pela Internet como o Moça do Brigadeiro.

 

Quando perguntei na Fan Page do Diário do Rio, “Qual é o Melhor Brigadeiro do Rio de Janeiro”, apareceram tantas lojas que fiquei espantado. Entre elas estava a “Fernanda Veiga Brigadeiros”, “Sweet Dreams”, “Brigadeira”, entre tantas outras. Isso só para ficar entre algumas, vai desde empresas mais profissionais até algumas bem caseiras.

Mas Qual o Melhor Brigadeiro do Rio de Janeiro?

Pessoalmente, acho que brigadeiro é brigadeiro. E só aquele granulado, em cone, até aquele com chocolate redondinho é outro doce, ou como diria o Giancarlo Zeni, brigadeiro é aquele docinho pequenininho pretinho etc e tal. Chamem-me de conservador mas é assim que deve ser. Que nem o da Bomboniere Pathe, na Cinelândia, a loja é feia, dá impressão de suja, mas o brigadeiro (R$ 1,00) e as tortas, que tortas… esse sim, até agora, o melhor do Rio para mim.

 

Quanto a enquete lá na Fan Page a maioria escolheu o “Colher de Pau”, no link você pode ver a minha opinião. Inclusive a loja é considerada pela Veja Rio como o melhor brigadeiro do Rio de Janeiro. Não achei isso tudo para ser o melhor da cidade.

 

Um que fica na Top 3 da namorada é o sorvete de brigadeiro (ok, na minha definição não é brigadeiro, chamem-me de incoerente)  do “Mil Frutas”, que de acordo com ela é uma explosão de sabores dentro da boa, “divino”. Um sorvete com, não se sabe como, um brigadeiro de colher. Realmente é delicioso.

 

Como foi criado o Brigadeiro?

Fonte Wikipedia

O doce foi criado durante a primeira campanha do candidato à presidência, pela conservadora UDN, logo após a queda de Getúlio Vargas. A guloseima feita de leite, ovos, manteiga, açúcar e chocolate tanto agradou que, numa das festas de campanha, foi feito o doce para arrecadar fundos. Há outras versões bastante similares a essa sobre a origem do nome do doce: mulheres do Rio de Janeiro, engajadas na candidatura de Gomes, faziam "negrinhos" que vendiam para ajudar o fundo de campanha; outros diziam que Heloísa Nabuco, de tradicional família carioca que apoiava o brigadeiro, criou um tipo de doce, ligeiramente diferente da versão atual, e o denominou com a patente do candidato preferido.

 

Como as festas dos correligionários e cabos eleitorais eram muito disputadas pela população, estes logo começaram a chamar os amigos para irem comer o "docinho do Brigadeiro". Com o tempo o nome de "brigadeiro" acabou sendo dado ao doce (mais tarde feito com leite condensado). Apesar do apoio recebido, a eleição foi vencida pelo então general Eurico Gaspar Dutra.

E para você, qual é o melhor?

 

Foto: Brigadeiro por Lucy

Deixe seu comentário

Quintino Gomes Freire8875 Posts

Diretor de mídias sociais na Agência B5, palestrante, publicitário, Defensor do Carioca Way of Life e Embaixador do Rio. Começou o Diário do Rio em 2007 e está a frente dele até hoje o levando ser um dos principais portais sobre o Rio de Janeiro.

8 Comentários

  • Patricia Reply

    7 de outubro de 2011 at 12:19

    Sou que nem você: brigadeiro, para mim, é aquele doce de leite condensado com chocolate e só! Aceito apenas algumas pequenas variações por fora: sei que o tradicional é o granulado, mas as bolinhas bem pequenininhas de chocolate não mudam muita coisa. E, quando eu era pequena, minha mãe passava era no açúcar mesmo, pq era mais barato e sempre tinha em casa.

    Bom, mas daí que outro dia, passando pela Cinelândia, resolvo conferir o tal brigadeiro da Pathé. Vou te falar uma coisa: eu como primeiro com os olhos. E não apenas a iguaria em si, mas o local. Ok, como pastel no Bar Urca que não é exatamente um primor, mas a Pathé, ou o que restou dela, me assustou. Fugi correndo. Não tive coragem de comer o doce, por mais que ele estivesse ali berrando para mim.

    • Quintino Gomes Reply

      7 de outubro de 2011 at 12:45

      Ok, o lugar é realmente horroroso mas o brigadeiro é delicioso. 

      Dia destes comi na Brigadeira Chic, no Barra Shopping, é gostoso mas não vale R$ 3 por um micro brigadeiro.

  • François Reply

    18 de setembro de 2011 at 21:00

    Já comi sim o brigadeiro da Valéria Doces e é muito bom!!! PAra quem quiser conferir segue o Blog; http://valeriadoces.blogspot.com/

  • François Reply

    18 de setembro de 2011 at 21:00

    Já comi sim o brigadeiro da Valéria Doces e é muito bom!!! PAra quem quiser conferir segue o Blog; http://valeriadoces.blogspot.com/

  • Toé Reply

    18 de setembro de 2011 at 19:52

    O melhor brigadeiro do Rio, sem duvidas, é da V aléria Doces. Expetacular!! Tem 2 que nao consigo me decidir sobre qual é melhor. O brigadeiro de canela ou o de gengibre. Encontrei num anuncio do jornal de bairro Globo Zona Sul. Um achado!! Toé

  • Carla Reply

    16 de setembro de 2011 at 00:30

    Atelier Brigadeiro Carioca, na Lapa, muito bom os docinhos! Pena o serviço ser muito ruim!
    http://www.atelierbrigadeirocarioca.com.br/atelier.html

  • Giancarlo Zeni Reply

    15 de setembro de 2011 at 15:02

    Como você citou que eu disse, brigadeiro é um docinho pretinho pequenininho com granulado compridinho igualmente pretinho. E tem que ter manteiga, senão não é brigadeiro. Dentro desse esquema, o da Colher de Pau é o melhor para mim; vou experimentar o desse pé sujo da Cinelândia, já que você elogiou tanto 😛 Quanto aos outros wannabes, que arranjem outro nome!

    • Quintino Gomes Reply

      15 de setembro de 2011 at 15:10

      Gian,
      experimente sim!!! É formidável, o lugar é horroroso, era bomboniere do Cine Pathe, que virou templo da Universal. As tortas também são ótimas.

Deixar um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password