Pardal só em sinal com temporizador | Diário do Rio

Pardal só em sinal com temporizador

10
LinkedInWhatsApp

Traffic light reworked por Dino Abatzidis Ontem foi derrubado na ALERJ veto do governador Sergio Cabral (PMDB) ao projeto do deputado estadual Luiz Paulo (PSDB). O PLEI 3020/10 prevê que 9s equipamentos que fotografam o avanço nos sinais de trânsito, conhecidos como pardais, só poderão ser instalados em locais em que os semáforos sejam equipados com temporizador de contagem regressiva.

 

Já disse aqui no Diário ser a favor dos radares e pardais, para mim não deveria nem ser avisado, como hoje é. Mas a idéia do temporizador é boa, apesar de achar que sinal amarelo não signifique acelere e sim freie. Mas há denúncias de que há locais onde os sinais amarelos têm seu tempo reduzido, facilitando os flagrantes dos pardais e aumentando o risco de acidentes.

Foto: Traffic light reworked por Dino Abatzidis

Dica de João Paulo

Quintino Gomes
Defensor do Carioca Way of Life, morou em Jacarepaguá a vida toda, trabalhou na Zona Oeste, na Zona Norte, Centro e Zona Sul. O pai é português e a mãe carioca da Gema, do Bairro de Fátima
Quintino Gomes

Latest posts by Quintino Gomes (see all)

LinkedInWhatsApp

10 Comentários

  1. Também acho que não deveria ser avisado. Se a lei pressupõe que você não deve NUNCA ultrapassar o limite de velocidade, porque então os locais com pardal devem ser sinalizados? Parece que não sabem que a pessoa só anda dentro dos limites quando passa por um… Sem noção isso.

  2. O temporizador serve para proteger a sociedade e o estado. Com ele, nem o cidadão pode falar que não sabia que ia fechar, nem o estado pode abusar de nós reduzindo o tempo dos sinais.
    .
    Aqui pela Z. Sul, noto que o amarelo dura uns 2 segundos, como em 2 segundos, vendo o ele sinalizando com o verde, de passe, você reduza drasticamente a velocidade em um curto espaço de pista e tempo? É pegadinha para multar.
    .
    Se você estiver em uma velocidade compatível com o transito da cidade é capaz de você ver o verde, começar a cruzar a faixa quando fica amarelo mas ficar vermelho antes de terminar e ser multado, isso é um absurdo.
    .
    Você vendo pelo temporizador que o sinal irá fechar não teria desculpa alguma, como poderá previamente e gradualmente diminuindo de velocidade, evitando acidentes.
    .
    Para mim, o temporizador deveria estar em todos os semáforos, é tecnologia ao nosso favor, mas se tem que começar por algum, esse é o do pardal. De quebra sou até favor do temporizador da travessia de pedestre também, aquela mãozinha piscando varia de tempo de semáforo para semáforo então você atravessa sem saber quando ira parar realmente.
    .
    Aquele abraço,
    Joao

  3. O contador regressivo é uma reinvidicação minha há muito tempo. A verdade é que esses pardais são verdadeiros caça níqueis, já que o tempo de amarelo é regulado independentemente para cada semáforo e você, motorista, não tem como saber quanto tempo ainda tem de passagem.

    É errado pensar que amarelo significa PARAR; significa ATENÇÃO. O Código de Trânsito Brasileiro não diz nada a respeito do que deve ser feito em caso de amarelo. Cabe ao motorista tomar a decisão. Frear o carro bruscamente por causa de um sinal amarelo pode causar um acidente, visto que atrás do seu carro pode estar vindo outro muito próximo. Neste caso, o Art. 42 do CTB é bem claro quando diz que o motorista não deve brecar bruscamente.

    Eu concordo que haja fiscalização. Acho que o trânsito deve ser regulado, mas de forma honesta e não para favorecer empresas de camaradas com licitações absurdas do jeito que está hoje. Não é certo que nosso dinheiro vá para a mão desses caras quando, em contrapartida, o dinheiro que já demos para eles em impostos não é usado de forma correta, como por exemplo para fazer a manutenção das vias. Pense só quantos sinais com defeito você vê, quantos buracos você precisa desviar e o quanto você gasta com a manutenção do SEU carro por causa disso tudo.

    O contador regressivo é válido SIM. É mais correto que você saiba que o sinal está prestes a fechar para se adiantar e começar a frear o veículo com segurança. Só quero ver é isso pegar de verdade. Já não fazem a manutenção de simples 3 lâmpadas no sinal convencional… quero ver quando o circuito de LEDs queimar.

  4. Eu acho que antes de instalar esses radares ( Ou pardais conforme os cariocas chamam) Deveriam fazer mais campanhas de civilização no trânsito, falar sobre a importância de obedecer as léis. Não passar sinal vermelho, pois o risco de atropelar alguém é muito grande e isso pode até gerar uma morte e homicídio doloso pelo fato da pessoa saber que passar o sinal vermelho pode atropelar alguém…

    Eu vejo também que muito se deve da pessoa ter a sá conciência de obedecer as leis, qual a dificuldade de parar o carro em um estacionammento, mas preferem parar emcima das calçadas, correndo o risco de serem guinchados. A calçada pertence aos pedestres e não aos carros, ja cancei de falar, mas pelo jeito só vai adiantar quando alguem sofrer seriamente as penalidade.

    Cabe a cada um de nós fazermos a nossa parte e ser um exemplo, se o sinal ta amarelo, temos que parar, pois amarelo é pra parar, e nã opra aproveitar a velocidade e passar.

    Podemos dar mil e umas desculpas pra usar o jeitinho e a espertesa pra justificar uma infração de trânsito, quem as obedece não vai ter que se preocupar com os radares, com o fato de termos blits e termos a segurança que nossos impostos estão em dia.

  5. Acredito que antes de investir nos pardais sejam eles sinalizados ou não, deveriam investir em segurança. A instalação de pardais em certaz áreas é um absurdo. Há pardais em áreas sem iluminação e sem a menor segurança, o que nos faz passar por situações de risco para não levar uma multa. Primeiro deveriam garantir a segurança dos cidadãos e depois sim garantir o cumprimento das leis de trânsito. Quanto ao sinal amarelo, desde sempre foi atenção e o sinal vermelho sim parada obrigatória. Já passei e já vi muitas situações de quase batida ou de batida por conta do sinal amarelo. Há uma necessidade de se definir de uma vez por todas o que vale hoje em dia e a divulgação dessas questões ao público em geral por meio de campanhas abrangentes de conscientização. Mas volto a dizer, antes de tudo tem que se garantir condições de segurança para que os sinais e as velocidades sejam respeitados.

  6. Acontece que se amarela quando vc está muito próximo é burrice frear em todos os sentidos: 1- Vc não consegue frear confortavelmente, vai ter aquela tranco desagradável. 2- Vai reduzir sua velocidade rapidamente arriscando levar uma porrada na traseira. 3- Vai colocar a sua vida, a vida do motorista que vem atrás, dos seus passageiros e dos passageiros do carro que vem atrás em risco. 4- Lembre-se que um carro com ABS não freia igual a um mesmo modelo sem ABS, imagine então a diferença de distância para a frenagem entre carros de marcas diferentes. Freia forte com um Vectra com um Corsa atrás de vc que eu quero ver o Corsa frear na mesma distância. Vai levar um pancadão, isso sim!

  7. Para existir pardais, ou radares, ou o nome correto “ARAPUCAS”, seria necessário antes de tudo estabelecer de forma clara o limite de velocidade nas vias, coisa que em poucos lugares existe. Depois, constituir as juntas ecursais na forma da Lei, coisa que também não existe. O DNIT nem sequer criou a sua até hoje. Os recursos não são respondidos, as multas não julgadas são pagas às revendas quando da venda do carro, caso contrario não tem negócio. Multas que ainda nem existem oficialmente no DETRAN, pois são apenas notificações. Passar em sinais com radares é um verdadeiro temor: freadas bruscas, engavetamentos, etc… tuda para se livrar de uma multa pesada e 7 pontos na carteira. E onde não existe “arapuca”? A bandalha é geral. Ninguém respeita nada. De que adianta então toda essa celeuma? É pura arrecadação. Ninguém está preocupado em segurança de transito. Todos os sinais já deveriam ser com temporizadores digitais. O transito flui melhor, não tem freiadas bruscas, ninguém fica acelerando com a marcha engatada. No passado a velocidade em TODA a cidade era de 40 km, já se aprendia a dirigir nesse limite. Ninguém esta autorizado a passar a 4ª marcha no fusca de aprendizado (muito exagero), mas uma velocidade geral de 60 ou 70km em toda a cidade seria bastante razoável. Então sim, em locais de maior velocidade permitida, as placas seriam colocadas de forma a permitir a maior fluidez do transito. Dificil? Não! apenas desinteressante do ponto de vista político.
    Querem arrecadar, coloquem uma cadeira com um agente de transito nos acostamentos nos fins de semana e pronto. A multa é do mesmo valor do avanço de sinal e a pontuação idem. A Dutra tem velocidade máxima de 100 e 110km (?). Quem sabe onde estão os radares anda muito acima dos 110km, outros, como eu, são multados por andar a velocidade considerada de 101km. Viva o Brasil.

  8. antonio angelo dalto neves on

    O Rio de Janeiro virou a cidade sem lei.Governo faz tudo
    que quer e bem entende.Quando uma familia morrer em um desses
    pardais de avanço de sinal esses governantes assassinos,vão falar
    que o motorista e desatento, que ele não tem condiçõe de dirigir.O
    pior de tudo que Brazilia onde se encontra o orgão que regem as
    leis de trasnsito e omissa e nada faz pois aceita essa pouca
    vergonha.Pelo dinheiro da multa vale apena tirar vidas.Esse e o
    codigo nacional de transito assassino onde o denheiro vale mais. E
    vergonhoso,um governador vetar uma caisa que e para segurança da
    população,não votei nele não voto e se depender no futuro quero que
    ele se ferre nas proximas eleições,pois não vale o prato que come.
    Um dia a casa cai,gostaria que ele sentise na pele o que e perder a
    familia numa dessas arapucas de sinais de transito,mais Deus
    escreve certo por linhas tortas e quando ele der por conta da sua
    burrice vai ser tarde demais.

Leave A Reply