Turistas de Cruzeiros começam a chegar ao Rio - Diário do Rio de Janeiro

Turistas de Cruzeiros começam a chegar ao Rio

0

Mesmo passando por um mal momento, o Rio de Janeiro continua atraindo muitos turistas. Por exemplo, este m√™s ser√° dada a largada para a temporada de cruzeiros mar√≠timos 2017/2018 no Pier Mau√°.Dia 29 de outubro o Terminal Internacional de Cruzeiros da Cidade Maravilhosa recebe sua primeira atraca√ß√£o: o navio internacional Oceania Sirena, uma embarca√ß√£o pequena e luxuosa com mais de 800 pessoas a bordo.¬†Da√≠ at√© o dia 29 abril de 2018, a opera√ß√£o n√£o p√°ra mais! Ser√£o 94 atraca√ß√Ķes,¬†das quais 23 s√£o cruzeiros de longo curso (internacionais) e¬†25 navios no total. Neste per√≠odo, s√£o esperados mais de 380 mil turistas que aproveitar√£o roteiros variados no pa√≠s.

Os turistas s√£o recepcionados no terminal de cruzeiros localizado nos armaz√©ns 4 e 5 do Pier Mau√°. Estas instala√ß√Ķes ficam em frente a uma das esta√ß√Ķes do Ve√≠culo Leve sobre Trilhos (VLT), a¬†“Parada dos Navios”,¬†e bem pr√≥ximas ao armaz√©m externo, onde atualmente um de seus muros abriga a obra “Etnias”, de Eduardo Kobra. Ali no “externo”, √īnibus e outros ve√≠culos ficam estacionados para realizar o translado dos visitantes para diversos pontos da cidade.

Na √ļltima temporada de cruzeiros (2016/ 2017), o Pier Mau√° tamb√©m recebeu 93 atraca√ß√Ķes, com¬†a m√©dia de 350 mil turistas, entre passageiros e tripulantes. Um fluxo¬†menor, embora tenha ocorrido a mesma quantidade de atraca√ß√Ķes. Fato esse que acontecer√° pois,¬†esse ano, temos um grande navio retornando como homeport, ou seja, voltando a utilizar o nosso porto para embarque e desembarque total de passageiros.

Segundo o Estudo de Perfil e Impactos Econ√īmicos de Cruzeiros Mar√≠timos no Brasil, realizado em parceria entre a CLIA BRASIL (Associa√ß√£o Brasileira de Cruzeiros Mar√≠timos) e a Funda√ß√£o Get√ļlio Vargas (FGV), o impacto econ√īmico dessa atividade tur√≠stica na economia do Brasil foi de R$ 1,607 bilh√£o durante a temporada que teve in√≠cio em novembro de 2016 e t√©rmino em abril deste ano. Os gastos totais de cruzeiristas e tripulantes nas cidades e portos de embarque/ desembarque e tr√Ęnsito, que incluem compras de passeios tur√≠sticos, suvenires, alimentos e bebidas e transporte durante, antes e/ou ap√≥s a viagem, foram de R$ 855 milh√Ķes. O estudo tamb√©m mostra que cada viajante gastou, em m√©dia, R$ 559,80 nas cidades de escala.

Por mais de seis anos consecutivos o Porto do Rio de Janeiro, cuja opera√ß√£o √© administrada pelo Pier Mau√°, recebeu o t√≠tulo de “Melhor Porto de Cruzeiros da Am√©rica do Sul”. Um prest√≠gio para nossa cidade!¬† E esta temporada (2017/2018) promete ser especial para nossos visitantes, porque al√©m do Porto Maravilha bel√≠ssimo ap√≥s todo processo de revitaliza√ß√£o da √°rea, in√ļmeras atra√ß√Ķes pr√≥ximas a Pra√ßa Mau√° vem transformando o local em um p√≥lo tur√≠stico e de lazer.¬†√Ä noite os guindastes datados de 1968, rec√©m-restaurados e iluminados pelo Pier Mau√°, prometem surpreender. O¬†projeto de ilumina√ß√£o acaba de conquistar uma premia√ß√£o de √Ęmbito global, da revista Mondo Arc. A estrutura se comunica com a cidade, homenageando datas especiais de reconhecimento como outubro rosa, novembro azul, Natal ou qualquer outra data especial relacionada √† cor e proporcionando um espet√°culo visual para visitantes da √°rea.

E pelo que tudo indica, em breve teremos mais novidades a explorar por ali, segundo o presidente do Pier Mau√°, Luis Cerqueira, ‚Äúa equipe est√° trabalhando fortemente para garantir o sonho do projeto Porto Cidade, que tem como objetivo trazer cariocas e turistas para desfrutarem de √°reas mais pr√≥ximo ao mar. Em breve, este sonho se tornar√° realidade e ir√° ajudar a mantermos viva a import√Ęncia hist√≥rica da regi√£o portu√°ria‚ÄĚ.

Quintino Gomes Freire
Diretor de mídias sociais na Agência B5, palestrante, publicitário, Defensor do Carioca Way of Life e Embaixador do Rio. Começou o Diário do Rio em 2007 e está a frente dele até hoje o levando ser um dos principais portais sobre o Rio de Janeiro.
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Comente