Um apartamento na Barra por R$ 61 milhões | Diário do Rio

Um apartamento na Barra por R$ 61 milhões

68
LinkedInWhatsApp

Cobertura na Barra custa R$ 61 milhões

E aí ganhou na Mega Sena acumulada, muito acumulada, e quer gastar tudo de uma vez? Então separe R$ 61 milhões (imagine o ITBI) e gaste tudo em um apartamento na Barra. O UOL trouxe um álbum de fotos de um partamento no Grand Hyatt Residences que custa esse valor!!!

O apartamento tem direito a 16 vagas na garagem, sabe como é, se você é o Rei do Camarote sabe que repetir carro não agrega valor ao apartamento e quer ficar preso no engarrafamento com carros diferentes..

Cobertura

A cobertura tem uma vista de 360º, para o mar e para a Lagoa de Marapendi. São 1.041 m² e com 4 suítes.

Cobertura na Barra custa R$ 61 milhões b

Quem comprou recentemente uma cobertura lá foi o apresentador Luciano Huck, desembolsou apenas R$ 47 milhões, pechinha. Dizem que o descontão é porque o nome de Huck pode ajudar na venda de outros apartamentos no edifício.

Quintino Gomes
Defensor do Carioca Way of Life, mora em Jacarepaguá, trabalha na Zona Sul, mas já passou pelo Mercadão de Madureira, pelo Centro, Barra e pela Ilha do Governador. Filho de uma mãe carioca da Gema, nascida no Catumbi e de pai português. Começou o Diário do Rio em 2007 e está a frente dele até hoje o levando ser um dos principais portais sobre o Rio de Janeiro.
Quintino Gomes

Latest posts by Quintino Gomes (see all)

LinkedInWhatsApp

68 Comentários

  1. Wow! Ver isto num blog que se diz " a favor do Rio"? O seu Ze Portinari comprou area de Reserva por preco de banana, pagou $$ pra mudarem a lei e agora vende por preco de Delfim Moreira, onde ele mora. Nojo!!! Querem vender o resto da Reserva e Grumari. Quem gosta do Rio vai lutar contra estes absurdos!!!!!

  2. AS pessoas não se dão conta que acabando com o ecossistema, acabamos com a natureza e um dia ela se rebela!!! As lagoas poluídas geram gases e um dia vamos usar mascaras para respirar mesmo nessa cobertura tão bela!!! É isso que querem para seus filhos e netos??? O meio ambiente precisa ser preservado com urgência!!! Chega de crime ambiental!!!!

  3. blablabla… essa area era desmatada, um terreno baldio. Agora é um local de renome internacional, mudou da agua (poluida) pro vinho. Se fosse na Reserva mesmo seria contra, mas ali eu conheco bem, e era um TERRENÃO BALDIO cheio de casuarina e amendoeira (arvores que nao sao nativas, sao da australia e da india).

  4. É parar e pensar e, imediatamente, agir. Até quando os "GRILEIROS" de ALTO poder de influencia, ficarão impunes???? Como explicar o licenciamento para construção? Será que o Sr. Eduardo Paes, dito prefeito e o Sr. Sergio Cabral, dito governador, não sentem vergonha??? Cadê o Ministério Público??? As associações de moradores precisam lutar por esse tipo de roubo, pelo prejuízo causado à todo um ecossistema, em prol da MÁFIA DA CONTRUÇÃO junto aos órgãos públicos. É muito revoltante… mas é o poderio financeiro e de influencia. TRÁFICO DE INFLUÊNCIAS, TROCA DE FAVORES, PARCERIAS DO SETOR PRIVADO COM O SERVIÇO PÚBLICO, contra o contribuinte que em recolhimentos tributários, enriquece os cofres públicos, que servem, na verdade, aos interesses pessoais dos nossos governantes. EXIJO PROVIDENCIAS !!!!!

  5. Diogo Vega A PRAIA DA RESERVA junto com Grumari e Prainha sao as unicas praias nao edificadas da cidade. Este sem pensamento de empreiteiro serve de pretexto para as proximas areas cairem uma por uma. Vc tambem esta a favor de um campo de golf e 22 mill apartamentos na Reserva? Quando compraram esta area sabiam que era RESERVA e mudaram a lei. Falta de carater, etica e amor AO RIO DE JANEIRO. Planta da Australia segue sendo melhor que CONCRETO para EMPREITERO e corretor de 5a categoria ganhar dinheiro sobre o PATRIMONIO DO POVO!

  6. Cara, tem uma cobertura na esquina da Vieira Souto com a Paul Redfern (Ipanema) que está sendo vendida por R$ 17 milhões há mais de 8 anos!!! Nunca teve morador, ou seja, é "nova". Acho que o carioca tem uma visão supervalorizada dos imóveis. Tudo bem que existem exemplos de transações absurdas. Eu mesmo conheço algumas. Agora, a estória dos apartamentos que não são vendidos ninguém conta.

  7. Outro exemplo, tb na Paul Redfern. Imóvel comercial onde funcionava o restaurante Guimas. Ponto ótimo, imóvel relativamente novo, e parado há uns 5 anos.

  8. Luis Santos da Cunha on

    tem miss BUM BUM no condomínio ?? ahhhh então não ….. como ? miss vóvó tem ? , então tá, faz ai um desconto e ai falamos :)))

  9. Pingback: Prédio da Vieira Souto sendo vendido por R$ 52 milhões | Diário do Rio de Janeiro

  10. Maluco é muito dinheiro num lugar simples desse, se fosse em outro pais… Mas no rio!!! Todo mundo do rio sai para as cidades do interior em busca do sossego com seus familiares, foge do que tem… E ainda reclama muito do calor, da falta de energia, da agua… etc Mas gasta tudo isso numa cada de 4 suites apenas. AFFF

Leave A Reply