Um Rio de 445 anos de história

Por André Delacerda

Chamando o Sol por Roberto Stellling Estava tentando imaginar, fazendo uma volta no tempo, tentando me inspirar nas gravuras, rabiscos, mapas de época que povoam os museus lusitanos, e daqui. Tentando sentir o momento da descoberta vivido pelo navegador Gaspar de Lemos no dia 1º de janeiro 1502, ao encontrar montanhas esplendoras, uma floresta densa e verdejante, uma enorme baía de águas cristalinas, abraçada e emoldurada por grandes monolitos. Baía esta, que de tão grande foi confudida pelo navegador, que acreditar ser ali um rio, fato que o inspirou a batizar a então terra descoberta, como Rio de Janeiro.

 

De lá para cá, se passaram 445 anos de uma história rica com: corajosos homens que desbravaram estas terras cariocas; expedições que imortalizaram desde aquela época as paisagens que fascinam até hoje, a gente daqui e de todo o mundo. Foram inúmeras invasões; batalhas pela posse da terra com estrangeiros e índios; o enforcamento do herói inconfidente Tiradentes; o acolhimento da Família Real, então em fuga de Portugal por causa de Napoleão; a transformação da província em sede do Império Português.

E os momentos marcantes que essa cidade viveu, que estão nas páginas da história e da vida dos brasileiros, não param por ai, somam-se ainda: a tão esperada Abolição da Escravatura; a Proclamação da República; a Era Vargas, que culmina com seu suicídio no Catete; o apogeu e adeus a mais carioca das portuguesas, a imortal Carmem Miranda; a eleição de JK, que daria início, há certamente um dos fatos que marcou e ainda marca esta cidade, inclusive com sequelas, a transferência da Capital Federal, do litoral para o Centro-Oeste.

 

Rio de Janeiro por OlivierO Rio ainda viveu e foi palco da luta popular e política contra a Ditadura Militar; vibrou com os grandes comícios das Diretas Já; e viu o país se redemocratizar.

 

O Rio viveu momentos mágicos na cultura que imortalizaram a cidade e seu modo de ser através dos contos de Machado de Assis; da poesia de Noel; da música de Cartola e Pixinguinha; do balanço da Tropicália; e do marcante nascimento da Bossa Nova, com a palavra os mestres Tom e Vinícius.

 

O Rio não é só carnaval, não é só futebol, é mais que tudo isso.

 

É muito além, de ser uma das mais famosas esquinas do mundo. É uma grande coxa de retalhos de vários brasis. Uma mistura de gente de todos os cantos, que se mistura com a mais pura e inteligente criação da natureza.

 

O Rio é como seu maior símbolo.

 

Está de braços abertos para acolher a todos, convidando-os para juntos contemplar essa “Maravilha de Cenário”, como já dizia os versos do sambista Silas de Oliveira.

 

Parabéns a querida Cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro.

 

Simplesmente Rio…

 

Fotos: Chamando o Sol por Roberto Stellling

Rio de Janeiro por Olivier

Deixe seu comentário

Quintino Gomes Freire8935 Posts

Diretor de mídias sociais na Agência B5, palestrante, publicitário, Defensor do Carioca Way of Life e Embaixador do Rio. Começou o Diário do Rio em 2007 e está a frente dele até hoje o levando ser um dos principais portais sobre o Rio de Janeiro.

6 Comentários

  • barbara Reply

    3 de Março de 2010 at 18:05

    parabens arrazou mesmo!
    beijãoooooooooooooooooooo!

  • Elida Kronig Reply

    2 de Março de 2010 at 11:12

    Retiro o que eu disse.
    A foto do Roberto já está no scrit de rotatividade da minha tela. Lindíssima mesmo!

    bjs a todos.

  • Elida Kronig Reply

    2 de Março de 2010 at 11:09

    Parabéns pra nós, cariocas de nascimento, alma e coração – aquele que não joga lixo nas ruas. 🙂

    Um showzaço essa foto do Roberto. Queria colocar na minha tela mas está pequena. 🙁

    Beijinhos carinhosos

  • jcj Reply

    1 de Março de 2010 at 17:46

    PARABENS RIO DE JANEIRO,MINHA TERRA, MINHA CIDADE NATAL, AMO DEMAIS ESTA CIDADE ,PARABENS!!!!!!

  • André Delacerda Reply

    1 de Março de 2010 at 13:56

    Silvana, obrigado!
    Nossos aplausos a essa maravilhosa cidade.
    E em tempo ao seu ponto que nos remete as lágrimas de chuva ao dia de hoje.

  • silvana Reply

    1 de Março de 2010 at 13:10

    Rio de Janeiro – Esta é acidade que amo e escolhi para viver. Parabéns pelo levantamento de tantas preciosidades históricas.Parabéns para todos nós,cariocas de coração!

Deixar um comentário

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password