Bosque da Barra (Foto: Alexandre Macieira)

O Rio de Janeiro é repleto de lugares espetaculares e que, muitas vezes, não são devidamente “explorados” por cariocas e turistas. Muitos deles, inclusive, não são nem um pouco “secretos“, sendo muito falados, mas pouco visitados.

São lugares especiais para se fazer um passeio com a família e amigos em um belo dia de sol, se aventurando pelas maravilhas da cidade que não carrega esse apelido à toa.

E tem para todos os gostos, desde arte, cultura e história, até entretenimento, gastronomia, meio ambiente e muito mais.

Confira a lista do DIÁRIO DO RIO com 10 lugares incríveis do Rio de Janeiro.

PLANETÁRIO

Planetário da Gávea (Foto: Alexandre Macieira)

O famoso Planetário da Gávea (que também possui uma unidade em Santa Cruz) é um dos locais mais interessantes da nossa lista. O espaço combina astronomia ciências e conhecimento do universo e dos planetas com cultura e lazer, se tornando sinônimo de diversão de uma maneira extremamente lúdica.

O planetário oferece a todos os tipos de público uma série de atividades e projetos culturais que permitem a integração entre as mais diversas áreas da ciência.

BOSQUE DA BARRA

Bosque da Barra (Foto: Mario Howat)

Situado em uma região movimentada da Zona Oeste da cidade, o Bosque da Barra possui 50 hectares. O local foi criado visando a preservação ambiental, especialmente da vegetação de restinga, da paisagem natural e da fauna local.

A grande variedade de fauna torna o local ideal para a observação de aves, borboletas, capivaras, saguis e do bicho preguiça, além dos jacarés-de-papo-amarelo que podem ser vistos nos lagos do bosque.

As alamedas arborizadas são ótimas para corridas e caminhadas. As grandes áreas gramadas são ideais para fazer piqueniques e praticar atividades recreativas. O bosque dispõe também de estacionamento, brinquedos e equipamentos de ginástica.

PARQUE DE MADUREIRA

O parque não é superlativo apenas em suas medidas, sendo o terceiro maior da cidade, mas também nos itens e opções de lazer que oferece aos moradores da Zona Norte carioca. Quadras de vôlei, basquete e futebol, além de um campo de grama sintética para partidas de futebol dividem o espaço com fontes, riachos, quiosques, pista de skate, pomar e brinquedos.

Árvores nativas, palmeiras, além de flores e quilômetros de grama, tornando o espaço amplamente arborizado. Práticas sustentáveis, como o controle de resíduos sólidos, uso da água da chuva, captação e uso de energia solar e iluminação de baixo consumo fazem parte do dia a dia do parque. O parque, que acompanha a linha férrea que corta o bairro, conta ainda com dois espaços culturais: a Arena Carioca, que receberá apresentações culturais, e a Praça do Samba, espaço dedicado ao gênero musical tão influente no bairro que conta com suas das mais antigas agremiações cariocas – Portela e Império Serrano.

ILHA DA GIGOIA

Ilha da Gigoia (Foto: Reprodução Rotas de Viagem)

Um dos muitos paraísos no Rio de Janeiro, a Ilha da Gigoia, também conhecido como “Veneza Carioca” é um dos cantinhos mais belos que compõe o conjunto de arquipélagos da Barra da Tijuca.

Com um clima agradável, cheio de verde e natureza selvagem, o local abriga excelentes bares e restaurantes, ótimas opções de hospedagem e muita diversão com disputados os passeios de barco pela Lagoa da Barra.

A prática de esportes aquáticos também é muito difundida na região, são muitos os jet-ski, flyboard, kayak e até bike aquática.

ARCO DO TELES

Arco do Telles (Foto: Rodrigo Soldon)

O arco do Teles é um achado no Centro do Histórico do Rio de Janeiro. O local, um dos mais badalados da região central da Cidade Maravilhosa, se destaca pelos imóveis com arquitetura retrô, bares e restaurantes no coração da Praça XV.

Ambiente permeado de cultura e história, o Arco é um marco histórico importante para a cidade e liga a Travessa do Comércio (até o início do século XX, a travessa era considerada um dos principais núcleos de imigrantes portugueses na cidade) à Praça XV, polo de arte e lazer do Rio.

VILA DO LARGO

Vila do Largo (Foto: Reprodução Redes Sociais)

Um dos pedacinhos mais reservados da Zona Sul carioca, a Vila do Largo foi concebida com o intuito de reunir empreendedores locais, arte e gastronomia em Laranjeiras, um dos bairros mais propícios para tal no Rio.

Criada pelo arquiteto Carlos Rangel (1951-2019), a Vila do Largo tornou-se um ponto de referência no bairro. Com um estilo carismático, o local abriga ateliês, cafeterias, bares e coletivos de jovens.

Algumas casas servem de moradia mesmo, e outras funcionam como espaços de coworking para diferentes áreas culturais. Mensalmente, também acontecem eventos e atividades artísticas.

PRAIA DO SECRETRO

Com apenas 12 metros de extensão, o Secreto, no Recreio dos Bandeirantes, se tornou um programa alternativo às famosas praias da zona oeste carioca. Trata-se de uma piscina natural cercada por pedras, longe dos prédios e da movimentação da cidade. Para chegar lá, siga pela Estrada do Pontal em direção à Prainha e deixe seu carro em um recuo em frente à trilha, ou no Mirante da Prainha logo em seguida.

Não há placa que sinalize, mas mesmo assim é fácil localizar a entrada da trilha, que abre um caminho em meio ao verde. Após aproximadamente cinco minutos de caminhada em um visual incrível, os aventureiros devem descer um paredão de pedras de 15 metros para chegar até o mar.

HELIPONTO MIRANTE DONA MARTA

Heliponto Dona Marta (Foto: Reprodução Minube)

Do alto de seus 360m, o Mirante Dona Marta proporciona uma das vistas mais incríveis da cidade, garantindo o título de um dos pontos turísticos mais visitados no Rio de Janeiro. De lá, é possível ver o Pão de Açúcar, o Cristo Redentor, o Maracanã, a Baía de Guanabara e a Lagoa Rodrigo de Freitas..

O mirante e seu heliponto ficam ao lado do Corcovado, entre Laranjeiras e Botafogo, e com amplas e magníficas vistas para a Zona Sul e Zona Norte.

RIO STAR

Rio Star (Foto Cleomir Tavares/ Diario do Rio)

Caçula da turma, a Rio Star, maior roda-gigante da América Latina, é um dos atrativos que vem conquistando o coração de cariocas e turistas. Com 88 metros de altura, 54 gôndolas climatizadas e capacidade para até oito pessoas, a roda-gigante já entroupara o conjunto de cartões postais da cidade.

Localizada no Porto Maravilha, na Orla Conde – bem próximo ao AquaRio – a Rio Star leva em torno de 20 minutos para dar uma volta completa e pode proporcionar uma linda vista da cidade maravilhosa para até 432 pessoas ao mesmo tempo.

O ponto turístico está aberta todos os dias das 10h às 18h.

MUSEU AEROESPACIAL

Museu Aeroespacial
Foto: Divulgação/Museu Aeroespacial

O museu, que foi inaugurado em 18 de outubro de 1976, ocupa uma área coberta de 16.000 m2 e abriga um acervo valioso para a História da Aviação Brasileira e Mundial. O museu ressalta a importância da preservação do material aeronáutico e dos documentos históricos para futuras gerações sobre o segmento.

O acervo conta com aviões, motores, documentos, armas e outras peças de valor histórico. O espaço cultural recebe o apoio logístico da Universidade da Força Aérea – UNIFA e é administrado pelo Instituto Histórico-Cultural da Aeronáutica – INACER.

* Com informações da Riotur

6 COMENTÁRIOS

  1. Muito interessante esses informe para os Cariocas e demais visitante do nosso Estado muito bom vou curtir mais o.nosdo espaço afinal estou aposentada e devendo os nossos espaço de lazer inclusive. Para as caminhada matinal

  2. Não pare o carro no recuo em frente a Praia do Secreto, eles rebocam. Vi um carro ser rebocado nesse recuo há 2 dias. Pare no recuo do Mirante ou na Prainha.

  3. Sinto lhe informar que a foto representativa da praia do Secreto não condiz com o local conhecido como Praia do Secreto. Pois a paia é mais pra frente e próximo o encontro do canal do Rio morto com a Praia.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui