Bloco da Favorita - Copacabana - Foto: Alexandre Macieira | Riotur

O Bloco da Favorita pode ter sido proibido de desfilar em Copacabana, mas nada que não possa ser resolvido com um jeitinho. E o bloco da promoter Carol Sampaio, já está preparado para colocar seu bloco na rua, ou melhor, no palco no domingo, 12 de Janeiro, às 15h, durante os show de abertura do Carnaval do Rio de Janeiro.



Siga nossas redes e assine nossa newsletter, de graça

Jornalismo sério, voltado ao Rio de Janeiro. Com sua redação e colunistas, o DIÁRIO DO RIO trabalha para sempre levar o melhor conteúdo para os leitores do site, espectadores dos nossos programas audiovisuais e ouvintes dos nossos podcasts. O jornal 100% carioca faz a diferença.

É que a RioTur usará o palco principal do réveillon de Copacabana, próximo ao Copacabana Palace, para o show da Favorita. Além disso também terá a eleição final do Rei Momo e da Rainha do carnaval carioca.

E terá um público enorme, são esperadas cerca de 300 mil pessoas para o show. Quem não está curtindo são os moradores de Copacabana, que verão o bairro lotado mais um dia do ano. Problemas de morar no bairro mais conhecido do Rio de Janeiro.

Esse e outros blocos já estão na agenda dos blocos de rua do Rio de Janeiro em 2020.

5 COMENTÁRIOS

  1. No Ano novo é apenas um momento e a maioria são Famílias e pessoas que estão ali com Propósitos diferentes desses blocos, que tiram a tranquilidade e o direito de ir e vir do cidadão. A prefeitura tem que determinar outro local para o bem comum de todos.

  2. Quero muito pular o carnaval em Copacabana MAS os organizadores dos blocos não podem se fazer de desentendidos sobre a organização. Eu quero pular carnaval com segurança e saúde e organização. Mas o pedido de autorização do desfile das Favoritas só foi apresentado na prefeitura no dia 20 de setembro. Não adianta colocar todas as críticas na incompetência do Crivella pra esconder as falhas dos organizadores.

    Bombeiros, polícia e trânsito não podem se coordenar com apenas duas semanas de antecedência – e o Reveillon no meio! Pra receber mais de 100 mil pessoas na Atlantica precisa de tempo razoável pra se organizar. As escolas de samba começam a organização com um ano de antecedência. Tem que ser assim com os blocos também.

  3. Péssima ideia de colocar este bloco em Copacabana que é um bairro residencial e e utilizado como passagem para outros bairros, além de contar com 3 grandes hospitais, uma população enorme além de muitos idosos.
    Uma total falta de respeito com os moradores !! Este é um evento para ser feito no Sambódromo ou no Centro.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui