Águas do Rio disponibiliza canais de atendimento direto para a população

Quem está na área de atuação da Águas do Rio pode acessar informações e solicitar serviços via Whatsapp, aplicativo, site e telefone

Desde o início dessa semana os canais de comunicação da nova concessionária de água e esgoto em 27 municípios fluminenses foram ativados para atender a população. 

Por meio da agência virtual, que pode ser acessada no site www.aguadorio.com.br, e do aplicativo para celular Águas App, o cidadão poderá acessar a 2ª via da conta e histórico de consumo, comunicar vazamentos, solicitar mudança no local de ligação de água ou de titularidade, entre outros serviços, além de denunciar lançamento indevido de esgoto ou ligações irregulares de água.  

Para agilizar ainda mais o atendimento a concessionária responderá mensagens pelo Whatsapp, pelo número 0800 195 0 1995, que também funcionará como telefone.  

Teremos uma relação muito próxima com a população, que não é apenas nossa cliente, mas usuária de um serviço essencial. Serão aproximadamente 10 milhões de pessoas beneficiadas com diversas plataformas de relacionamento e acesso à informação relevante. Faz parte do nosso trabalho responder às demandas de forma respeitosa, rápida e transparente”, afirma o direto presidente da concessionária, Alexandre Bianchini

O endereço das 35 lojas físicas está disponível na agência virtual pelo endereço: https://aeservicosonline.com.br/agencia/lojas. Os clientes ainda podem ter acesso às informações atualizadas através das redes sociais da concessionária: facebook (aguasdorio), instagram (@aguasdorio), twitter (@rio_aguas). 

Contas de água 

A partir deste mês de novembro, as contas serão emitidas com a identidade visual da Águas do Rio. As faturas podem ser pagas pelo site da Águas do Rio, pelo aplicativo Águas Appnas lojas de atendimento, nos terminais de autoatendimento e até mesmo pelo pix – com QR Code impresso na conta -, além de bancos e lotéricas. Os clientes que desejarem também podem cadastrar a conta em débito automático, através do whatsapp da empresa para garantir o pagamento na data correta e evitar multas.  

Veja as cidades atendidas pela Águas do Rio  

Aperibé, Cachoeiras de Macacu, Cambuci, Cantagalo, Cordeiro, Casimiro de Abreu, Duas Barras, Itaboraí, Itaocara, Magé, Maricá, Miracema, Rio Bonito, Saquarema (3° Distrito), São Gonçalo, São Francisco de Itabapoana, São Sebastião do Alto, Tanguá, Belford Roxo, Duque de Caxias, Japeri, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu, Queimados, São João de Meriti e Rio de Janeiro (Centro, Zonas Sul e Norte).  

Veja os bairros da capital  

Centro e Zona Sul: Alto da Boa Vista, Andaraí, Benfica, Botafogo, Caju, Catete, Catumbi, Centro, Cidade Nova, Cosme Velho, Copacabana, Cosme Velho, Estácio, Flamengo, Gamboa, Gávea, Grajaú, Glória, Humaitá, Ipanema, Jardim Botânico, Laranjeiras, Lapa, Lagoa, Leme, Leblon, Mangueira, Maracanã, Paquetá, Praça da Bandeira, Rocinha, Rio Comprido, Santa Teresa, São Conrado, Santo Cristo, Saúde, São Cristóvão, Tijuca, Vasco da Gama, Vidigal, Vila Isabel, Urca.  

Zona Norte: Abolição, Acari, Água Santa, Anchieta, Barros Filho, Bento Ribeiro, Bonsucesso, Brás de Pina, Cachambi, Campinho, Cascadura, Cavalcanti, Cidade Universitária, Coelho Neto, Colégio, Complexo do Alemão, Cordovil, Costa Barros, Del Castilho, Encantado, Engenheiro Leal, Engenho da Rainha, Engenho de Dentro, Engenho Novo, Guadalupe, Higienópolis, Honório Gurgel, Inhaúma, Irajá, Jacaré, Jacarezinho, Jardim América, Lins de Vasconcelos, Madureira, Manguinhos, Maré, Marechal Hermes, Maria da Graça, Olaria, Oswaldo Cruz, Parada de Lucas, Parque Anchieta, Parque Columbia, Pavuna, Penha, Penha Circular, Piedade, Pilares, Praça Seca, Quintino Bocaiúva, Ramos, Riachuelo, Ricardo de Albuquerque, Rocha, Rocha Miranda, Sampaio, São Francisco Xavier, Todos os Santos, Tomás Coelho, Turiaçu, Vaz Lobo, Vicente de Carvalho, Vigário Geral, Vila da Penha, Vila Kosmos, Vila Valqueire, Vista Alegre, Bancários, Cacuia, Cocotá, Freguesia (Ilha do Governador), Galeão, Jardim Carioca, Jardim Guanabara, Moneró, Pitangueiras, Portuguesa, Praia da Bandeira, Ribeira, Tauá, Zumbi. 

Advertisement

4 COMENTÁRIOS

  1. Veio dois funcionários para troca do hidrômetro, como não havia escutado e nem através dos veículos de comunicações nenhuma notícia a esse respeito, não permiti que trocasse, pois tempos passados quando da cedae aqui também vieram uniformizados com nome da empresa e mais tarde veio o comunicado que não deixasse fazer nada de troca. Fizeram a notificação relatando o ocorrido dizendo que voltaria para a troca em outra oportunidade, porém até agora nada. Gostaria de receber minha conta com tudo discriminado ou seja leitura anterior / leitura atual ; agora ficamos no escuro pois não temos nenhum controle sobre o consumo, isso porque o funcionário que vem para a marcação não mais emiti a conta no ato da leitura, informando apenas que chegará pelo correio, coisa que nunca aconteceu, por favor providências.

  2. estou tentando a mais de 4 dias emitir segunda via de minhas contas e não consigo, meu fornecimento foi interrompido e preciso de sua regularização. a dificuldade em acessar o site é ENORME, o que deveria ser simples, está sendo o mais complicado. só me resta procurar a justiça para ter meus direitos preservados. outrossim informo que para manter minha vida,91 anos, está sendo dificultado.

  3. Um ano do Marco Legal do Saneamento
    Mas 13 Senadores votaram contra a medida.
    Em 2021 o Marco Legal do Saneamento completa um ano. A expectativa do Governo Federal é alcançar a universalização dos serviços de saneamento básico até 2033, garantindo que 99% da população brasileira tenham acesso à água potável e 90% ao tratamento e à coleta de esgoto. É uma medida muito positiva. Milhares de brasileiros serão beneficiados. Mas sabia que alguns senadores foram contra a medida no ano passado?

    Sérgio Petecão (PSD – AC), Randolfe Rodrigues (Rede – AP), Mecias de Jesus (Republicanos – RR), Paulo Rocha (PT – PA), Eliziane Gama (Cidadania-MA), Weverton Rocha (PDT – MA), Jean-Paul Prates (PT – RN), Zenaide Maia (PROS – RN), Veneziano Vital do Rêgo (PSB – PB), Humberto Costa (PT – PE), Rogério Carvalho (PT – SE), Jacques Wagner (PT – BA), Paulo Paim (PT – RS). Esses são os 13 senadores que votaram contra a medida. Vale a pena ver de novo.

    O Marco Legal do Saneamento permite que empresas privadas tenham mais liberdade em relação ao tema. Mas sejamos francos: são medidas que beneficiam o povo e que podem tirar milhares de pessoas de péssimas condições de vida. Mas alguns senadores parecem que não conseguem deixar as diferenças de lado em prol do Brasil.

    Não podemos esquecer. Muitos desses nomes são conhecidos e ficaram ainda mais falados neste ano. É preciso ficar de olho.
    . Por: Antonio Tuccilio, presidente da Confederação Nacional dos Servidores Públicos (CNSP).

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui