Foto: Divulgação

As equipes da Águas do Rio já se encontram nas ruas. A concessionária iniciou, nesta quinta-feira (7/10), a Operação Espelho, uma nova etapa antes de assumir a operação plena dos serviços de água e esgoto dos 27 municípios da área de concessão. O primeiro dia foi na capital, após semanas de preparação técnica e teórica das equipes. 

Agora, a Águas do Rio está na fase em que o colaborador já está na área que irá trabalhar, e em conjunto com a equipe da Cedae atua em alguns dos serviços prestados, sendo um treinamento prático para quando assumirmos a operação plena”, explica Thaís Gallina, diretora executiva da Águas do Rio, responsável, na capital, pelos bairros da Zona Sul, região central e grande Tijuca.

O pontapé inicial aconteceu na Estação Elevatória de São Conrado. No local, que recebe o esgoto da comunidade da Rocinha e do próprio bairro, é realizada a limpeza e a coleta do lixo do canal da Rocinha, evitando que os resíduos cheguem até o mar.  

Walace Guimarães, de 43 anos, é um dos operadores que irá atuar na estação. Neste primeiro momento da operação espelho, além de aprender a manusear o maquinário, também atua na ordenação do lixo. 

“Estou aproveitando para me aprimorar e com grande expectativa para o início da operação plena. Quero contribuir através do meu trabalho para uma melhoria do nosso meio ambiente, principalmente nesta área que envolve a maior comunidade do país”, diz, orgulhoso.

A Águas do Rio iniciou a operação assistida no dia 11 de agosto, e desde então está trabalhando na captação de dados que serão utilizados para as melhorias e ampliações no sistema de saneamento básico da área de concessão. A parceria com a Cedae será continuada, uma vez que a empresa pública permanecerá atuando na captação e tratamento da água, e fornecendo para as distribuidoras. 

7 COMENTÁRIOS

  1. Neolight Quem enrola trabalho deve ser sua mãe. Os funcionários da Cedae trabalham, mesmo quando não lhes dão condições. Mas agora quero ver reclamar quando a merda começar a jorrar.
    Parabéns pelo comentário Sr.Igor.

    • Menos, seu Ancavi… menos veneno na boca! O que eu falei não é mentira, o serviço da empresa CEDAE é de baixíssima qualidade e não estamos aí bebendo água com geosmina e esgoto por outra razão.

      Tiveram mais de 50 anos pra universalizar produção de água, entregar água potável e coletar esgoto de todos. Não conseguiram. A paciência do fluminense esgotou.

      Eu esconderia o crachá.

  2. São lamentáveis estes comentários sarcásticos, a equipe Cedae sempre trabalhou e muito para manter as redes de água e esgotos trabalhando, mantendo, reparando e se empenhando muito nisso, alguns poucos que fazem corpo mole são normais em qualquer empresa, mas na sua imensa maioria ralam muito e vestem a camisa, apesar dos pesares, como destes comentários maléficos e de governantes que só visam lucro no bolso, sem investir nada na Empresa (para se ter uma boa ideia, nossa frota de veículos são de 1990), e ainda por cima sucateando-a dia a dia, para justificar esta concessão absurda e que só irá sugar mais e mais do povo.
    Não é verdade que esta empresa já vem trabalhando e se empenhando em conhecer suas áreas de atuação, só iniciarão os trabalhos no próximo dia primeiro, inclusive para quando esta previsto um aumento de10% nas tarifas, porque será?

  3. Imagina a cara do funcionário da CEDAE querendo enrolar trabalho tendo a tira-colo um funcionário da Águas do Rio babando para mostrar serviço…

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui