Liga dos Amigos do Zé Pereira - Bloco Laranjada Laranjeiras - Foto_ Divulgação

No dia 08/10 (sexta-feira) o evento, 100% on-line, chamado O Fio da Meada, marcará o lançamento do canal no Youtube da Liga, com conteúdos exclusivos como videoclipes, oficinas e um debate ao vivo, com participação de tradicionais e consagrados blocos de rua da cidade. 

Rodrigo Rezende, presidente da Liga, resume: “Pegar o ‘fio da meada’, na definição do dicionário de expressões, é uma forma de entender o fluxo de ideias ou fatos do momento em que vivemos. Respeitosamente pedimos licença para buscar esta compreensão do jeito que o carioca mais gosta: carnavalizando”.

Formada por nove blocos cariocas (Cordão do Bola Preta, Orquestra Voadora, Céu na Terra, Vagalume O Verde, Toca Rauuul, Quizomba, Laranjada, Último Gole e A Rocha), que desfilam entre a Zona Sul e o Centro do Rio de Janeiro, a Liga, com 9 anos de história, leva atualmente cerca de um milhão e meio de foliões para as ruas.

A partir das 18h, os conteúdos estarão disponíveis no Youtube. Os videoclipes de Laranjada farão o set de samba de luta e resistência com o repertório Heróis da liberdade – império Serrano 1969,  Meu Deus, meu Deus, Está extinta e escravidão? Paraíso do Tuiuti – 2018, história para ninar gente grande Mangueira 2019, o  Quizomba trarão pot-pourris de músicas como Preta Pretinha, Frevo Mulher,  e o Toca Rauuul! Aluga-se (Raul Seixas/ Cláudio Roberto), entre outras que embalam milhões e foliões anualmente. O bloco Último Gole fará uma roda de samba online com homenagem aos grandes mestres do samba que perderam suas vidas pelo Covid-19, como Nelson Sargento, Ubirany do Fundo de Quintal e Aldir Blanc.

Já a Orquestra Voadora vai lançar um clipe da música Misirlou (Dick Dale, da trilha de Pulp Fiction) com alunos e professores da oficina do bloco, mostrando um pouco do resultado do trabalho realizado na disputada oficina que realiza no Circo Voador.

As oficinas terão instrumentos de percussão e sopros, ensinando a tocar algumas das músicas de mais sucesso no nosso carnaval como a marcha do Bola Preta (quem não chora não mama), oficina de caixa e repique do A Rocha, além de fantasias e adereços em material reciclável, com o bloco Vagalume O Verde.

Os assuntos dos debates terão como fio condutor a reconexão do carioca consigo, via carnaval.  Às 19:00 terá início a primeira mesa de debate, e às 20:30 a segunda.

Confira a programação completa:

Apresentação musical:

Blocos participantes: Toca Rauuul!, Laranjada, Último Gole, Quizomba e Orquestra Voadora

Orquestra voadora – Irá lançar um videoclipe com alunos e professores de sua oficina, mostrando o resultado do trabalho realizado no Circo Voador

Laranjada –Apresentação musical em um clip pot-pourri, o set de samba de luta e resistência – Heróis da liberdade – império Serrano 1969

– Meu Deus , meu Deus, Está extinta e escravidão ? Paraíso do Tuiuti – 2018

– história pra ninar gente grande . Mangueira 2019.. O bloco fará uma homenagem às vítimas da Covid -19, em especial ao Roberto Machado, fundador do bloco vítima da Covid, dando uma mensagem de que a pandemia ainda não acabou, e a necessidade de vacinar e manter o uso da máscara. Carnaval só com segurança total.

QuizombaPot-pourri com as músicas Preta Pretinha, Frevo Mulher, Banho de Cheiro e Pagode Russo.

Último Gole – apresentação musical -promover uma roda de samba com mote aos grandes mestres do samba que perderam suas vidas pelo Covid-19, como Nelson Sargento, Ubirany do Fundo de Quintal e Aldir Blanc.

Toca Rauuul: uma apresentação musical, que tem o propósito de tentar resumir um pouco do nosso carnaval no vídeo, vamos transmitir aos foliões /telespectadores nosso espírito carnavalesco que homenageia Raul Seixas no contexto momesco, por meio da música Aluga-se.  Diria Raul Seixas: “não diga que a vitória está perdida, se é de batalhas que se vive a vida, tente outra vez”.

Debates:

19:00 – Mesa 1:

O carnaval, a pandemia e o carioca em 2022

Este tema trará uma reflexão a respeito de como a sociedade, blocos e instituições de turismo pensam e como estão se preparando para o carnaval do ano que vem.

Blocos participantes: Céu na Terra, Vagalume, Cordão da Bola Preta, Quizomba e Afroreggae

Convidada: Adriana Homem de Carvalho – Presidente da ABEOC e ex-Secretária de Turismo do Estado.

20: 30 – Mesa 2:

As diferentes nuances musicais e públicos nas ruas do Rio

Em um tom mais descontraído, esta mesa vai relembrar e o tom ameno e irônico que contagia nossa cidade, e como diferentes ritmos se inseriram na terra do samba.

Blocos participantes: Orquestra Voadora, Toca Rauuul!, Laranjada, Último Gole e A Rocha

Convidado: 

Oficinas

Blocos participantes:

Cordão da Bola Preta – percussão (caixa e surdo) da música Quem não chora não mama

A Rocha – oficinas de caixa e repique

Vagalume O Verde – oficina de fantasias e adereços em material reciclado.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui