Andréa Nakane: Energia Potencializadora de Vidas

Colunista do DIÁRIO DO RIO fala sobre Deborah Azevedo, que atua há 7 anos como desadestradora energética de mentes

Deborah Azevedo, 50 anos, moradora de Copacabana, atua há 7 anos com uma profissão que em um primeiro momento gera grande curiosidade e tem atraído cada vez mais interesse do público: ela é desadestradora energética de mentes.

Seu ofício busca ajudar outras pessoas a desbloquearem suas energias em direção ao que elas tem como objetivos, sejam de cunhos financeiro, profissional e/ou pessoal. Para isso, Deborah Azevedo utiliza-se de diversas ferramentas, entre elas o de coaching e de neurolinguística, todas agrupadas em benefício de fomentar a crença de cada um em si e em suas metas, liberando restrições impositivas, que na maioria das vezes está relacionado a um processo próprio de sabotagem.

Deborah Azevedo desenvolveu essa atividade, sobretudo, por uma necessidade relacionada a sua própria vida, uma auto superação, na qual buscava abrir seus caminhos para uma maior prosperidade e conquistas, não se contentando apenas com o que naturalmente recebia.

Ela nasceu em São João de Meriti, na baixada fluminense, filha de mãe doméstica e pai serralheiro, com uma vida muito simples, mas terna. Porém aos 14 anos, Deborah Azevedo perdeu sua mãe e sua vida teve outro rumo.

Ela, acolhida por familiares, realmente foi à luta e trabalhou como diarista, artesã, babá, office girl, vendedora, secretária, administradora de imóveis por temporada e desenvolveu uma bela carreira no segmento hoteleiro, passando por diversas áreas atuando como bartender, hostess e recepcionista de sala vip.

Justamente com esse trabalho, Deborah Azevedo, em 2001/2002, teve uma experiência internacional de grande impacto. Ela passou uma temporada na Itália, atuando em um hotel de luxo, sendo responsável pelo pool de suítes de luxo, com diárias que atraiam a nata abastada da sociedade européia.

Ao retornar Deborah Azevedo manteve seu trabalho na hotelaria carioca, continuou investindo em sua educação profissionalizante – ela é formada em Comunicação Social, habilitada como jornalista, tem MBA em Gestão de Projetos Sociais e é fluente em cinco idiomas – e, sempre buscando experiências em diversas iniciativas de autoconhecimento, já que essa questão sempre foi algo primordial em sua vida.

Porém, após uma imersão em si, com duas viagens à Índia, na qual sua espiritualidade veio à tona de forma plena, Deborah Azevedo, sentiu-se perdida, a ponto de precisar parar e questionar: O que ela estava fazendo com sua vida.

E foi exatamente nesse momento que ela entendeu seu propósito de vida, se apropriando de sim e aperfeiçoando-se para desbloquear mentes, permitindo que as pessoas acreditem em seu potencial e possam usufruir das belezas que nos rodeiam. Ela chegou a viajar em um ano para 14 países, ora ministrando cursos, ora assimilando novas técnicas.

“É possível viver uma trajetória rica e feliz… porém, só o dinheiro não é riqueza… só o dinheiro é muito pobre… e o mais importante é ser rico, sem precisar tomar tranquilizantes”, declara Deborah Azevedo.

Em 2020, Deborah Azevedo fez um trabalho voluntário com crianças da África do Sul, no Quênia, porém há muito o voluntariado também já fazia parte de suas novas escolhas, tendo, inclusive atuado, por cerca de três anos, com pacientes terminais no Hospital da Lagoa.

Estar ao lado das pessoas, possibilitando que cada uma revele todas as suas condicionantes, mantenha as que lhes são favoráveis, elimine as que se tornaram fardos, fazendo, assim, uma verdadeira limpeza e propiciando novas perspectivas que estejam em sintonia com suas expectativas é o trabalho de Deborah Azevedo.

Recorrer a uma ajuda, a um suporte, ter alguém que consiga enxergar o que nem nós mesmos conseguimos é – sem dúvida alguma – um serviço cada vez mais essencial e que faz muito sentido na jornada individual que temos. Razão pela qual a agenda da Deborah Azevedo está repleta de atendimentos. Quem quiser seguí-la e conhecer um pouco mais do seu trabalho, pode conectar-se com ela pelas redes sociais @deborahazevedooficial.

Para 2022, Deborah Azevedo planeja e vibra para que sua empresa cresça pelo menos três vezes mais, assim como seu instituto Ser Você, com mais ofertas de cursos, treinamentos e consultorias que colaborem com a expansão de consciência de mais pessoas, gerando seus empoderamentos e sucessos.

Ela deseja que o RIO realmente se conecte com sua energia, que é incrível, se apropriando legitimamente de seu poder de sedução e de encantamento, recuperando sua imagem e retomando seu brilho maior.

Deborah Azevedo ainda dá um toque para esse período de virada de ano, quando muitos pensam na analogia de ano novo, vida nova.

“Só é possível ter uma vida nova, quando você faz escolhas novas, quando o seu comportamento é diferente… por isso o ano novo só assim, realmente o será, se o comprometimento com você for novo, se sua forma de agir for disruptiva e inédita.” orienta, Deborah Azevedo.

É isso mesmo… precisamos ajustar melhor nossos pensamentos rumo à 2022. É vital nos desbloquearmos, nos livrarmos daquilo que não nos permite estar por inteiro para usufruir a plenitude da nossa existência.

2021 foi um ano de muitas perdas, lástimas e dificuldades, mas, é preciso reconhecer nossas vitórias, nossas resiliências, nossas bençãos, nossas ações que floresceram, mesmo nas adversidades.

Por aqui mesmo, foram 52 histórias de vidas que nos emocionaram, nos encantaram, nos inspiraram, nos fizeram refletir, ao menos um pouquinho. Foram só pessoas do bem, com iniciativas edificantes, lições de que tudo pode dar certo, com esforços, colaboração e fé.

Eu termino 2021, preenchida com um pedacinho de cada um desses incríveis personagens reais, sem filtros, que me deram a honra de torná-los mais conhecidos, não para massagear seus egos, mas como forma de reconhecê-los e valorizá-los como referências que o Rio, o Brasil se sustenta dignamente e avança humanamente por intermédio dos seus exemplos.

E que não somos minoria, pelo contrário, o poder está em nossas mãos, a energia está em cada um de nós e se quisermos, a gente realmente pode fazer um 2022 novo, consciente, gentil, respeitoso e repleto de saúde! Um 2022 Incrível para todos nós! Nos vemos por lá!

Andréa Nakane é carioca, apaixonada pela Cidade Maravilhosa, relações públicas, professora universitária, Doutora em Comunicação Social e Mestre em Hospitalidade.Embaixadora do RJ. Vive há 20 anos em Sampa e adora interagir com pessoas singulares que possam gerar memórias afetivas construtivas.
Advertisement

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui