Após Justiça negar recurso, Flordelis irá a júri popular

Ainda não há data para o julgamento. Flordelis é acusada de ser mandante da morte do ex-marido, o pastor Anderson do Carmo

Foto: Michel Jesus

Os recursos feitos pela ex-deputada federal Flordelis foram negados pelo desembargador Marcus Basílio, segundo vice-presidente do Tribunal de Justiça do Rio. Por este motivo, ela irá a júri popular. Ainda não há data para o julgamento.

Trata-se do processo em que é acusada de ser mandante da morte do ex-marido, o pastor Anderson do Carmo, morto em 2019 a tiros na frente de casa.

Também tiveram o recurso negado Marzy Teixeira da Silva e Rayane dos Santos Oliveira, respectivamente filha afetiva e neta biológica de Flordelis.

Na decisão, publicada no dia 15 de janeiro, Marcus Basílio afirma que, para aceitar o recurso, o Tribunal de Justiça teria que reexaminar as provas, o que não é aceito em instâncias superiores.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui