Após o juiz Raphael Baddini de Queiroz Campos, da 2ª Vara de Búzios, ter decretado lockdown na cidade a partir desta quinta-feira (17/12), os turistas hospedados no município, um dos mais procurados da Região dos Lagos do Rio de Janeiro, diga-se de passagem, têm até 72 horas para deixar os hotéis, pousadas e empreendimentos similares locais.

Armação dos Búzios foi colocada dentro do sistema de bandeira vermelha, que aponta risco exacerbado de colapso da rede de saúde e, por isso, necessidade de isolamento social completo.

Além da saída dos turistas da cidade, a decisão da Justiça prevê que a Prefeitura de Búzios retroceda em relação às medidas de flexibilização adotadas até então. A tendência é que o lockdown persista no mínimo até o final de dezembro.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui