Depois do horário de trabalho, é comum acontecer aquele encontro de pessoas para beber ou comer alguma coisa em bares e restaurantes. No Centro da cidade do Rio de Janeiro, algumas áreas se destacam. Entre elas, uma vem ganhando ainda mais adesão nos últimos tempos. O Arco do Teles e a Rua do Ouvidor são ótimas pedidas.

No Arco do Teles, o Bar Léo está sempre bem posicionado nas listas de locais para o um bom happy hour. Nada mais justo. Chope de qualidade (saindo de uma máquina que vem de Munique) e excelentes opções de pratos. Preço bom para tudo.

Trabalho por perto. Quase todo dia é certo parar por aqui para tomar uma cerveja, beliscar alguma coisa“, conta o engenheiro Claudio Moraes, frequentador constante do Bar Léo.

[iframe width=”100%” height=”90″ src=”https://diariodorio.com/wp-content/uploads/2018/11/index.html”]
Cada vez mais, o Shopping Paço do Ouvidor se fortalece como ponto de encontro no Centro do Rio.
Passa no Paço.

Filial de uma rede paulista, o Bar Léo já aderiu a alma carioca. Não teria como ser diferente estando em um local tão marcante da Cidade Maravilhosa. Já fizemos uma crítica do Bar Léo aqui no DDR.

Bem próximo ao Arco do Teles está a literária e boêmia Rua do Ouvidor. Já foi mais literária, mas ainda conserva locais dedicados aos livros, como a Livraria Folha Seca, por exemplo. A predisposição ao espírito carioca boêmio segue cheia até o gargalo.

Próximo à Folha Seca, os copos são regados em bares e restaurantes como o Toca do Baiacu e o Antigamente. Dois estabelecimentos bem cariocas, que espalham suas mesas pela movimentadíssima Rua do Ouvidor.

De quarta em diante essa rua fica lotada. Vem gente até de outros bairros curtir o ambiente aqui. O preço da cerveja é em conta e o clima é bom, atrai as pessoas” conta um dos garços do Toca do Baiacu.

Nos dias de evento, lançamentos de livros, por exemplo, na Livraria Folha Seca, os bares vizinhos, tanto no Arco do Teles quanto na Ouvidor, abraçam o público presente e a festa acontece. Assim como nos dias de Samba da Ouvidor, popular evento carioca.

De fato, por dentro do Arco do Teles e nos paralelepípedos da Rua da Ouvidor caminha a alma da boêmia carioca.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui