As novidades do Monobloco para 2019

Já tem bloquinho desfilando pela cidade e não é pouco não, só dar um pulo na nossa agenda dos blocos do Rio em 2019. E um dos principais blocos do Brasil, o Monobloco, já está em ritmo de folia. Fundado há 19 anos por C.A. Ferrari, Celso Alvim, Mário Moura, Pedro Luís e Sidon Silva, o Monobloco se renova a cada ano, sem deixar de lado a sua marca registrada: misturar cavaco, repique, tamborim, chocalho, surdo e agogô com grooves de guitarra e baixo.

Para o Carnaval desse ano o Monobloco chega com o tema “Abram Alas Pra Elas – Homenagem às mulheres da música brasileira“, escolhido através do voto pelos integrantes das oficinas de percussão do Monobloco em SP, BH e RJ, como conta Celso Alvim, diretor de bateria desde o primeiro desfile: “A ideia foi interagir ainda mais com os alunos, pedindo que eles nos ajudassem a escolher o tema do Carnaval”. Formados nas oficinas que acontecem ao longo do ano nas três cidades onde o Monobloco desfila, os ritmistas dão identidade local à proposta do bloco.



Depois de celebrar a maioridade ano passado, o Monobloco ganhou nova identidade visual, inspirada no tema de 2019 e criada pela agência 6D. A nova logomarca traz três versões femininas para o famoso bonecão azul do Bloco, representando as mulheres, grandes homenageadas dos desfiles desse ano.

A nossa relação com o Monobloco vem de muito tempo. Agora fomos convidados para criar uma releitura da identidade visual, originalmente concebida por Billy Bacon, amigo e parceiro da 6D”, conta Emilio Rangel, diretor de criação da agência. “Revisitei o trabalho do Billy para criar uma versão feminina do personagem que representa a banda: fizemos 3 bonecas com cabelos e desenhos de corpos diferentes, além de peles em tons coloridos e irreais, para representar a diversidade e não deixar ninguém de fora”, explica.

O repertório renovado trará sucessos de compositoras e cantoras dos mais variados estilos e levadas. De clássicos do repertório do Monobloco, como “Taj Mahal”, “Fio Maravilha” e “É Hoje”, até “Coisinha do pai”, sucesso na voz de Beth Carvalho; “Sonho Meu”, de Dona Ivone Lara; “Já sei namorar”, dos Tribalistas; “Uma noite e meia”, de Marina Lima, além hits de Anitta, Ludmilla e Iza, como “Essa mina é louca”, “Din Din Din” e “Pesadão”, sempre na levada característica da bateria do Monobloco.

Como é tradição, o Monobloco desfila no Carnaval de Rua do Rio no Domingo depois do Carnaval, no dia 10 de Março. Mas também toca em São Paulo no dia 24 de Fevereiro e no Carnaval de Rua de Belo Horizonte no dia 5 de Março.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here