Aumenta a busca por clubes de tiro no Rio de Janeiro

Subiu 60% a procura por clubes de tiro no Rio de de Janeiro. O período avaliado foi de 2017 a 2018. Dois fatores são tidos como fundamentais para esse crescimento: a violência e a expansão do tiro esportivo.

A procura por esses clubes, hoje, é composta por mulheres, jovens, empresários, profissionais liberais, médicos e também militares. No geral, pessoas de classe de média e classe alta.

Para frequentar um clube de tiro não é necessário ter posse de arma. No entanto, é preciso que o candidato tenha 18 anos – no caso de menores de idade, é indispensável a solicitação de uma autorização judicial -, não responder por processo criminal, ser aprovado em laudo psicológico e, também, em um parecer de capacitação técnica de tiro, além de estar filiado a algum clube.



O funcionamento de cada clube é definido pelos estabelecimentos, que são inspecionados e precisam de autorização do Exército. Os proprietários têm a liberdade de definir os cursos e as armas que serão usadas pelos filados.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here