Ameaçado
Lembra a nota em que Eduardo Cavaliere deu um prejuízo de R$ 20 milhões à milícia? Agora o secretário de Meio Ambiente de Paes está sendo ameaçado pela milícia.

Sem medo
Apesar disso está sem medo e as ações contra construções irregulares vão continuar. Um milhão e quatrocentos mil metros quadrados já foram restaurados.

Bolsonaristas junto com PSol
Nada mais próximo do que os muito diferentes. Na PEC do RioPrevidência a deputada Alana Passos, bolsonarista de carteirinha, votou junto do PSol contra o projeto.

E olha que…
O projeto é semelhante ao do Paulo Guedes, o Posto Ipiranga de Bolsonaro. Vai entender o que se passa na cabeça dela…

O petróleo é do Rio
O secretário de Desenvolvimento Econômico, Vinicius Farah, e o governador Claudio Castro prometem uma luta contra o crime que cometem contra o Rio de Janeiro nas verbas vindas do petróleo fluminense. O que o estado perdeu até hoje é um crime.

Mais que o Qatar
O Rio de Janeiro produz mais petróleo que o Qatar. E enquanto eles tem direito até a uma das linhas aéreas mais chiques do mundo e uma das maiores rendas per capita do globo, o Rio de Janeiro ficou 5 anos sem apresentar um orçamento sem déficit.

Virar o Jogo
Ambos prometem que vão virar o jogo, o mesmo com o presidente da ALERJ, André Ceciliano. Agora combinar com o resto do país que só querem sugar a economia do Rio de Janeiro.

Poder
Carlo Caiado tem se tornado um dos políticos mais poderosos do estado, na capital só perde para Eduardo Paes. Seu irmão, Cláudio Caiado, candidato a deputado estadual, deve ter dobradinha, ou seja apoiar e ser apoiado, por uns 5 ou 6 candidatos a deputado federal. Isso inclui gente com mandato ou com secretarias poderosas na Prefeitura do Rio.

Quem diria
Repetindo a máxima de que na sombra de Rodrigo Maia nada cresce, foi só Caiadinho dar um passo para o lado, que passou a ser um dos presidentes da Câmara com mais poder desde a fusão com a Guanabara.

Pedro Paulo vice de Castro?
As colunas falam que o Secretário de Fazenda Pedro Paulo, pode ser vice de Claudio Castro dentro da União Brasil. Não, não será.

Não querem
Eduardo Paes, Rodrigo Maia e Cesar Maia seriam totalmente contra. Paes pelos seus planos para 2026 e os Maia por quererem distância do grupo de ACM Neto.

Apesar
Apesar de que Claudio Castro está praticamente eleito em 2022. Santa Cruz não empolga e Freixo é muito rejeitado.

Defendendo o erário
O Presidente da ALERJ, André Ceciliano, foi o primeiro a criticar abertamente a aposentadoria dos coronéis da PMs. Um dogma no estado.

42 anos e aposentado
Hoje com 42 anos um Coronel da PM se aposenta, com salário INTEGRAL. Devemos muito aos nossos policiais, mas aos que estão na linha de combate.

Conversas de Freitas
Hoje sem partido, depois de brigar com o Novo, o deputado Alexandre Freitas está de conversa com o PL, União Brasil e Podemos. A aposta é o Podemos, que pode ter Sérgio Moro como candidato a presidente.

3 COMENTÁRIOS

  1. Concordo plenamente, e se isso acontecer, podem esperar por um novo juiz (WW).
    Muito fraco, nunca sabe de nada e só foi vice porque foi indicação de um cacique, mentiroso e traíra (até ao Bozo).
    Vendeu parte dos serviços da Cedae, a quem não reverteu um centavo (apesar desta continuar a ser obrigada a fornecer água, com preço abaixo do custo para empresas privadas), prometeu mundos e fundos, gastando por conta (que o digam aqueles que contavam com o Supera), buscando apoios.
    Mas voltando a matéria, quando falei que vocês são totalmente imparciais, porque sempre que podem defendem esse crápula e apoiam suas ideias, esqueceram que divulgaram recentemente uma pesquisa que mostra Freixo bem na frente?

  2. de onde tu tirou esse negocio de aposentar com 42 anos?
    se o cara entrou com 17 ao fim do ensino medio, mais 30 anos, ele vai pra casa com 47 anos – e ia, pq não vai mais, ja q agora so formado em direito, ou seja, 25 anos, mais 35 anos de serviço, e ira pra casa aos 60 anos.

  3. Sobre a possibilidade de Claudio Castro vencer as Eleições em 2022 para seguir como Governador do Estado do Rio de Janeiro, só tenho a lamentar! Castro é um político oportunista, já acordado como os Prefeitos milicianos da Baixada e que já planejou jogar no lixo o dinheiro da privatização da CEDAE com obras eleitoreiras, como VLT na baixada – vai ser um “trenzinho” de turismo de final de semana – e corredor de BRT de Niterói a São Gonçalo para agradar e devolver apoio às empresas de ônibus daquela região. Coitado do povo Fluminense!!!

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui