Toda semana, tento fazer um dia de desconfinamento. Opto por lugares abertos e sem possibilidade de aglomeração. Na ultima quarta-feira, resolvi conhecer um hotel em pleno Joá, ao lado da Barra e com uma praia quase que privativa. Com apenas 5 suites, decoradas com glamour e esmero, a proposta do Chateaux Joá, que não deveria ter o x no final, por ser singular mas que por um erro ortográfico foi assim registrado e ficou, é de um atendimento personalizado, desde a chegada. O check in é feito pelo próprio gerente geral, Leandro Christo, que acompanha os hóspedes ate o quarto. As suítes são divididas em dois andares e possibilitam vistas estupendas do Rio, de acordo com sua localização: Barra, Gávea, Joatinga para citar alguns exemplos.

O hotel boutique, que faz parte do” Circuito elegante “só recebe para pernoite. As diárias incluindo café da manhã variam de 900  a 2000 reais. Cinrcundado por mata atlântica e um verde estonteante nos remete a outras regiões do Estado, com seus jardins e plantas muito bem cuidados. Traz um conceito de paz interior, silêncio e liberdade, em seus ambientes comuns.

Além da hospedagem, incorpora um novo conceito de gastronomia. Um chef à disposição dos hóspedes para cozinhar o que pretendam comer nas refeições. Claudio Lopes, formado pelo IBMR, em Gastronomia tem a possibilidade de proporcionar a experiência gastronômica sonhada. No ato da reserva ou na véspera, o hóspede conversa diretamente com Claudio, para criar um menu individualizado, inclusive no café da manhã. A média de preço por pessoa, por prato é de 130 reais, podendo claro ser bem mais caro, em função dos itens do pedido. A cozinha contemporânea pode vir acompanhada dos melhores vinhos, com ênfase para os nacionais, que hoje são uma marca também do Brasil.

Por estarmos na pandemia, verifiquei que os colaboradores estavam com máscara, havia distanciamento entre as mesas do restaurante e álcool gel na entrada, embora leve sempre o meu, para uma higienização constante. O uso da máscara tem que ser obrigatório, inclusive dos hóspedes, nas áreas comuns, conforme prevê a legislação vigente.

Voltado, sobretudo para casais, não aceita crianças, nem pets e é uma excelente opção para comemorar um aniversário de casamento, de namoro ou uma fugida do estresse urbano, para um descanso, incluindo piscina e hidromassagem. 

Le Chateaux Joá
Boutique Hotel
www.lechateauxjoa.com.br

Bayard Do Coutto Boiteux é professor universitário, escritor e pesquisador e funcionário público. Trabalha voluntariamente no Instituto Preservale e na Associação dos Embaixadores de Turismo do RJ.(www.bayardboiteux.com.br)

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui