Bibi Ferreira e Francisco Carlos, o Rei do Rádio, são homenageados pelo Patrimônio Cultural do Rio

As homenagens consistem na instalação de placas de identificação de bens de interesse cultural da Cidade do Rio de Janeiro

Bibi Ferreira é homenageada com placa de Patrimônio Cultural do Rio / Reprodução: Internet

Em 2022, o Instituto Rio Patrimônio da Humanidade (IRPH) homenageia a grande dama do teatro, Bibi Ferreira; e o cantor Francisco Carlos, “El Broto”; no âmbito do projeto “Circuitos do Patrimônio Cultural Carioca”. As homenagens consistem na instalação de placas de identificação de bens de interesse cultural da Cidade do Rio de Janeiro, com o propósito de valorizar e tornar conhecidos a história e o patrimônio cultural carioca.

A atriz, cantora e diretora de teatro, Bibi Ferreira, se viva fosse, completaria 100 anos em 1º de junho. Em vista disso, o IRPH inaugurou a placa de Patrimônio Cultural no edifício onde a artista, viveu, na Avenida Rui Barbosa 664, no Flamengo, Zona Sul da Cidade. Essa é a segunda placa a integrar o Circuito do Teatro, que já prestigiou o Teatro Rival em 2014.

Francisco Carlos, eleito o Rei do Rádio em 1958, também foi homenageado com uma plaquinha azul, no âmbito do Circuito do Rádio. A placa foi instalada em um dos endereços onde o cantor residiu: Avenida Ataulfo de Paiva 80, no Leblon, também na Zona Sul do Rio.

O Circuito do teatro foi criado para destacar espaços teatrais importantes para a cultura carioca e homenagear artistas que brilharam nos palcos da cidade. Bibi Ferreira é a primeira atriz a ser condecorada pelo Circuito do teatro, por sua grande contribuição na arte de William Shakespeare.

As homenagens prestadas pelos Circuitos do Rádio e do Teatro são resultado de uma parceria entre o Instituto Rio Patrimônio da Humanidade e do Instituto FUNJOR, entidade filantrópica que apoia profissionais da arte e preserva a memória artística brasileira.

Desde 2010, os Circuitos do Patrimônio Cultural Carioca começaram a ser realizados por temas livres, ligados à cultura e à identidade carioca. São 21 circuitos com bens culturais espalhados por toda a cidade, dentre os quais destacam-se: Liberdade, Cinemas, Botequins, Praça Tiradentes, Herança Africana, Art-Déco,Trem, Águas, Samba, Bossa Nova, Choro, Negócios Tradicionais e outros.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui