Biblioteca básica de 1808, por Manolo Florentino

Da série de artigos, reportagens e entrevistas que a Folha de São Paulo fez em 26 de novembro de 2007 sobre os 200 anos da vinda da Família Real de Portugal para o Brasil. Acompanhe o índice aqui.

Originalmente publicado aqui.

Biblioteca básica de 1808, por Manolo Florentino

Sobrados e Mucambos
de Gilberto Freyre (editora Global, 1.008 págs., R$ 98) -Para compreender a europeização dos costumes e as transformações da escravidão a partir de 1808
Dom João 6º no Brasil
de Oliveira Lima (editora Topbooks, 790 págs., R$ 69) -Pioneiro. Basta

Carlota Joaquina na Corte do Brasil
de Francisca L. Nogueira de Azevedo (Civilização Brasileira, 408 págs., R$ 43) – Resgata a dimensão não caricatural de uma mulher freqüentemente enxovalhada -aliás, como seu marido

As Razões da Independência
de Nelson Werneck Sodré (ed. Graphia, 300 págs., R$ 45) – Um clássico do pensamento marxista tupiniquim

George Canning e o Brasil – Influência da Diplomacia Inglesa na Formação Brasileira
de Caio de Freitas (Cia. Editora Nacional, 1956) – Um clássico da história diplomática brasileira


MANOLO FLORENTINO leciona história na Universidade Federal do Rio de Janeiro. Escreve na seção "Autores", do Mais! .