Bosque da Memória lança livro em homenagem às vítimas da Covid-19 no Rio

Após o plantio de 150 árvores em área do Recreio, famílias lançam publicação com depoimentos emocionantes sobre a ressignificação da perda

(Foto: Divulgação)

Famílias que participaram da criação do Bosque da Memória do Rio, no Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste do Rio, prestam nova homenagem aos seus entes queridos, falecidos em razão da Covid-19, com o lançamento de um livro de memórias, iniciativa da Alameda Sandra Alvim que ao longo de 2021 recebeu 156 árvores plantadas com o objetivo de ressignificar o sentimento da perda.

A publicação, que será lançada pela editora Patuá, foi coordenada por Antonina Buriti e Isabelle de Loys, adotante da Alameda Sandra Alvim desde 2018. A cerimônia de lançamento será realizada no dia 08 de outubro, às 16h, no Teatro de Câmara da Cidade das Artes, e terá ainda uma roda de conversa com os participantes do projeto, entre eles a médica e pesquisadora Margarete Dalcolmo, que vai falar sobre os efeitos da pandemia no Brasil e no mundo. Durante o evento, representantes da Cidade das Artes irão realizar o plantio de um ipê amarelo para relembrar os mais de 680 mil brasileiros que morreram durante a pandemia.

Plantar, Transformar e Ressignificar


Além dos relatos de 125 famílias sobre seus entes queridos, o livro conta sobre a criação do Bosque da Memória com destaque para o projeto de reflorestamento do local. Também traz um pouco da história da professora Sandra Alvim – que dá nome ao espaço -, além de referências do paisagismo proposto por Burle Marx e um resumo sobre a vida e a obra de Gianni Patuzzi, autor de uma escultura tombada no memorial.

Bosque da Memória do Rio de Janeiro


A campanha Bosques da Memória, desenvolvida de forma participativa e colaborativa, é uma promoção conjunta da Rede de ONGs da Mata Atlântica – RMA, da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica – RBMA e do PACTO pela Restauração da Mata Atlântica. O objetivo da iniciativa é plantar árvores, recuperar florestas, e ressignificar as perdas e o luto de diversas famílias, como um gesto simbólico em homenagem às vítimas da COVID-19 e em agradecimento aos profissionais de saúde que atuaram na pandemia.

No Rio, o Bosque da Memória foi criado em 2021 na Alameda Sandra Alvim, no Recreio dos Bandeirantes. Uma área remanescente de restinga e que estava abandonada foi completamente reflorestada se transformando em um lindo corredor verde, onde moradores da região e visitantes podem contemplar a natureza em diversos pontos de convivência. No total, foram plantadas 170 árvores de diversas espécies, tais como: pau-brasil, ipê amarelo, cajueiro, aroeira, ingá, grumixama, amoreira, acerola, pitangas, entre outras do bioma de restinga ocupando um espaço de 23.000m². Devido a relevância do projeto, a Prefeitura do Rio de Janeiro, em novembro de 2021 publicou no Diário Oficial o reconhecimento do Bosque como sendo o primeiro Memorial da Covid no Rio de Janeiro.

Programação


*Lançamento do livro ”Bosques da Memória – Plantar, Transformar e Ressignificar”_
08/10/2022 às 16h – Teatro de Câmara
Valor: R$10,00 (inteira) e R$5,00 (meia)

Roda de conversa com as coordenadoras do projeto e convidados:

  • Antonina Buriti e Isabelle de Loys – Coordenadoras do Livro Bosques da Memória)
  • Dra. Margareth Dalcolmo – Médica, pesquisadora da Fiocruz, presidente da Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia
  • Bruno Oliveira – Filósofo, Teólogo e Capelão do INCA
  • Vladimir Fernandes – Geógrafo especialista em Planejamento e Gestão Ambiental da Secretaria Municipal de Ambiente e Clima
  • Mariana de Abreu – Voluntária dos Bosques e Psicóloga do INCA
  • Kelly Simões – Voluntária dos Bosques e Psicóloga
  • Marly de Castro Gutierrez, Fátima Maria Viana Monteiro, Ângela Barbosa Dias, Vera Aragão – participantes do projeto de plantio de árvores em homenagem a seus familiares.
  • Apresentação do saxofonista Bruno Nunes e do grupo sinfônico A Quarta Corda, projeto criado e conduzido por jovens músicos de comunidades do Rio de Janeiro.
  • Apresentação e participação especial: Francisco Barbosa
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui