O Boteco do Portuga, em Nova Iguaçu (RJ) foi eleito o vice-campeão do Concurso Comida di Buteco 2021. O buteco da Baixada Fluminense apresentou o petisco “Roupa Velha”. Após dois meses do concurso, a revelação aconteceu nesta quarta (06), em São Paulo, em evento que reuniu os 21 campeões das etapas regionais. O concurso avaliou os quesitos higiene, atendimento, temperatura da bebida, e o petisco, compondo o buteco que encantou o júri especialmente formado para a Fase Nacional.

O título ficou com o Bar do Jão, bicampeão, que apresentou o petisco “Lascas Madeirense da Vó Encarnação”, enquanto o terceiro colocado foi o Bar do Cidinho de São José do Rio Preto (SP) com o petisco “Costeleti de batata-doce”. Ao término de sua 21ª edição, o Comida di Buteco reforçou seu propósito de preservar e evoluir os pequenos negócios familiares chamados “butecos”.

Com o tema Raiz, o concurso deste ano pôde mostrar a variedade e criatividade dos butecos para cativar seus consumidores e poder brigar pelo título do principal concurso do gênero do país. E é o pioneiro e único em todo o mundo a reconhecer um ícone da cultura local em abrangência nacional.

A eleição do melhor buteco reúne apenas campeões, ou seja, são todos vencedores. Isso ganha um valor ainda maior após as dificuldades impostas pela pandemia da Covid-19, que obrigaram a transferência da edição do ano passado para este e a inclusão de um formato híbrido, incluindo o delivery e a retirada nos estabelecimentos”, explica Flávia Rocha, organizadora do Comida di Buteco.

O segundo lugar do Bar do Portuga ressaltou a luta destes pequenos empresários durante a pandemia, segundo Paulo Faria, proprietário, “Representar a baixada fluminense, o Rio de Janeiro e ficar em segundo como o melhor buteco do Brasil é satisfatório. Nos empenhamos muito, ficamos muito felizes em saber que o Comida di buteco proporciona isso para nós. É muito emocionante, estou feliz, mas no fundo com vontade de chorar de abraçar a todos, já que passamos por esse processo de prova já que sobrevivemos a essa crise política e financeira que o Brasil está vivendo. Empreendendo, investindo e acreditando que somos capazes. Somos pequenos, mas somos fortes e quando a gente se junta nos tornamos uma potência“.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui