Croquete de Joelho de Porco - Foto: Lipe Borges

Sob o comando dos sócios Bruno Magalhães e Bruno Vaz, o Botero aportou na Tijuca, em 19 de setembro com sua comida farta. Além dos petiscos e sandubas, almoço executivo e pratos para compartilhar. No menu, há preparos artesanais de pães, geleias, caldos, molhos e conservas da casa. “O público foi o maior incentivador da nossa nova empreitada. E vamos investir mais. Já estamos pesquisando um novo ponto na Zona Sul, região onde tudo começou e temos boas memórias afetivas. Com rebeldia e sem pudor, vamos continuar nossa história”, afirmam os sócios.  

PETISCOS

Bruschetta Carbona – Foto: Berg Silva

Entre as novidades, a Linguiça de pernil artesanal, levemente defumada, pão e molho à campanha (R$10 a unidade). Há também a Pipoca de porco (R$ 26), suculentos pedacinhos fritos de pancetta curada, que chegam com chantilly de limão. Outra delícia que acaba de chegar é o Croquete de cogumelos frescos (R$26 – seis unidades). Em homenagem aos amigos, o bar traz o Pastel francês do Adão (R$8,90), feito com camarão, alho poró e catupiry. E, ainda, o crocante Biscoitinho de porco do Cachambeer (R$25,90), preparado com capa de pancetta, limão e mostarda. Para os vegetarianos de plantão, a sugestão é o novo parmegiana de berinjela (R$45).

As releituras de sucesso do chef Bruno Magalhães estão garantidas no cardápio. A Bruschetta carbonara (R$ 29 – seis unidades ) se mantém apetitosa com tomates concasse, parmesão, ovo de codorna e farelo de paio. O irresistível Croquete de joelho de porco com mostarda de abacaxi também marca presença (R$26 – seis unidades). Assim como o Stracotto em cerveja preta, servido com alho assado (R$48), uma das primeiras receitas de sucesso do bar. Em fogo baixo, a carne é preparada num longo cozimento, finalizada com queijo parmesão, e desmancha na boca. Para completar, pão quentinho para chuchar no caldinho morno.  

Tradicionais nas mesas do Botero, os Pastéis não podiam ficar de fora. Além dos queridinhos de cogumelos (R$9,90) e de camarão com chantilly de limão (R$ 8,90), os suínos como o de pernil com mostarda de abacaxi (R$ 7,90) e o de linguiça artesanal acebolada com queijo (R$7,90).

SANDUÍCHES (acompanhados de batata frita)

Bruno Magalhães – Foto: Berg Silva

Para começar o chef apresenta três novidades servidas na baguete de brioche. O Choripan (R$32) vem com Linguiça artesanal defumada, queijo e chimichurri caseiro. Atendendo a pedidos, o Stracotto ganha versão sanduba, coberto com compota de cebola e queijo gratinado (R$32). O Meatloaf (R$32), o bolo de carne recheado com queijo, envolto por bacon e regado a molho barbecue também virou sanduíche.

Na seção de clássicos, os saborosos Mini Hambúrgueres (R$ 42 – seis unidades/ R$23 – ½ porção) com blend de carne da casa, coberto por ketchup de goiabada, mostarda, queijo cheddar, picles de maxixe e cebola, no pão com gergelim. E, ainda, o Botero Veggie (R$32) com recheio de berinjela e abobrinhas greladas em creme de tomate seco no brioche.  

ALMOÇO EXECUTIVO

De segunda a sexta até 16h, o Botero oferece almoço executivo. Além de Estação de Saladas (R$22,99 – por pessoa), o comensal também pode escolher uma das proteínas, abaixo, e a combinar com as saladas, além de arroz, feijão, farofa e batata frita:  

  • Polpetone à parmegiana, recheado de mozzarella (R$32,90)
  • Miolo da alcatra (R$ 32,90) – grelhado, à milanesa ou à parmegiana
  • Peito de frango ou filé de coxa (R$28,90) -grelhado, à milanesa ou à parmegiana
  • Filé de tilápia grelhada (R$32,90)
  • Iscas de peixe à milanesa (R$32,90)
  • Peito de frango ou filé de coxa (R$28,90) Grelhado, à milanesa ou à parmegiana
  •  Linguiça artesanal acebolada (R$32,90)

Em especial, o Meatloaf – bolo de carne recheado com queijo, envolto por bacon, regado a molho barbecue – é servido com arroz à piamontese  e fritas (R$35,90).

PARA COMPARTILHAR

Palitinhos de Rabanada – Foto: Lipe Borges

Bruno surpreende com fartas sugestões para compartilhar, servidas até 16h, diariamente. Entre as novidades, o Palmito in natura com camarão e catupiry, acompanhado de arroz branco e batata frita (R$85). Há também o Risoto de costela ( R$80) com preparo da carne bovina em longo cozimento, no caldo da própria e mix de temperos. No topo, camada de ovos cozido e queijo derretido.

O adorado Parmegiana com purê de batatas e arroz branco conta com a versão Carne (R$82), porco (R$75), Frango (R$75) e Polpetone (R$82).

SOBREMESAS

A novidade fica por conta do pavê de chocolate (R$12), uma deliciosa receita de família. Os macios Palitinhos de rabanada com doce de leite (R$18) e o Brownie com calda de palha italiana quente, servido com sorvete de Creme (R$18) não podiam ficar de fora.

BEBIDAS

Quem não bebe álcool, aposte no mate da casa batido (R$7 – copo/ R$14 – a jarra).

Assinada pelo bartender Laézio Lima, a carta de drinks (R$25 cada) apresenta autorais como o Mojito Black 2.0 – jagermeister, rum kraken, hortelã, limão, xarope simples- e o Mate me se puder – jim beam, mate da casa, mel e limão-.

As Caipirinhas (R$20) são preparadas com cachaça mineira Claudionor, produzida pela família do chef Bruno Magalhães, em Januária-MG. Há sabores como o de limão com rapadura, o de abacaxi com hortelã e o de lima da pérsia. As Caipivodkas (vodka nacional (R$ 18/ importada R$ 24) recebem combinações como a de morango com manjericão e a de tangerina com gengibre e hortelã. Já o gin tônica (entre R$19 e R$24,90) pode ser degustado com o mix de tangerina e gengibre, o de limão com alecrim e o de hibiscos com zimbro e limão.

Às quintas, o Festival de Gim agita a casa (R$49,90). A partir das 18h, o comensal degusta, à vontade, sabores como morangos com manjericão, limão com alecrim e hibiscos com zimbro.

O bar traz mais uma collab , as batidas do Toninho do Momo (R$ 10) nas opções coco, maracujá e gengibre.

Entre as cervejas, 10 rótulos serão oferecidos como a Serramalte (R$ 13,90 – 600 ml),  a Colorado Appia – Honey Wheat Ale (R$21,90 – 600ml), Stella (R$9,00  – 300ml), Corona Extra (R$ 10,00  – 300ml) e a Brahma Malzier (R$ 9,00 – 300). E, ainda, a Brahma sem álcool (R$ 8,50 – 300ml).  

Para os amantes de vinho, a sommelier Elaine Oliveira selecionou rótulos orgânicos como o branco chileno Mucho Mas Sauvignon Blanc (R$ 68), o rosé argentino Las Moras Shiraz (R$ 75) e o tinto chileno Mucho Mas Carmenère (R$ 68).

O espumante brasileiro Herman Bossa no5, um prosecco brut produzido na Serra Gaúcha, foi o borbulhante escolhido para aguçar as papilas gustativas (R$75).

SERVIÇO
BOTERO
Endereço: Rua Campos Sales, 15 – Tijuca – Rio de Janeiro
Horário de funcionamento: Dom. a 4 ªf – 11:30 até 00 e 5ªf a sab. – 11:30 até /

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui