Cada vez parece mais falha a tentativa de Wilson Witzel (PSC) tentar colar seus votos com Jair Bolsonaro (PSL), que na eleição do Rio de Janeiro está neutro na disputa, e agora é a vez do presidente nacional do PSL e braço direito de Bolsonaro, Gustavo Bebbiano, declarar que não vai votar em Witzel e sim em Eduardo Paes (DEM), é o que informa o Estadão.



Bebianno diz acreditar que Paes fez uma boa gestão na prefeitura e que “o melhor é não arriscar”. Não muito diferente do que disse o filho de Jair Bolsonaro, e senador eleito pelo Rio de Janeiro, Flávio Bolsonaro (PSL):

8 COMENTÁRIOS

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui