Foto: Divulgação

Na madrugada deste sábado (17/04), a estação Aeroporto Jacarepaguá, no corredor Transcarioca, sofreu ação de criminosos que praticaram atos de vandalismo e furtaram equipamentos. Por conta disso, a equipe de intervenção do BRT informou que a estação teve que ser fechada temporariamente.

A estação Aeroporto Jacarepaguá foi bastante danificada e está inoperante no momento. Os bandidos depredaram parte de sua estrutura, arrombaram a bilheteria, furtaram cabos, bebedouro e ar-condicionado. A equipe de infraestrutura do BRT está no local para realização dos reparos necessários e a previsão é de que a estação reabra ainda neste sábado.

Criminosos também furtaram cabos da estação Lourenço Jorge, mas ela não precisou ser fechada. A ação foi acompanhada pela equipe de monitoramento do BRT, que logo acionou o Programa Estadual de Integração de Segurança (Proeis). Ao perceberem a chegada de uma viatura, os bandidos fugiram do local sem levar os cabos roubados.

PM detém três pessoas e recupera material furtado em estação do BRT

Três rapazes, sendo um deles menor, foram detidos por policiais militares após roubarem dois monitores que mostram os horários das viagens, na estação Colônia, corredor Transolímpica. Na noite de quinta-feira (15/04), a equipe de monitoramento da Inteligência do BRT verificou a ação pelas câmeras do Centro de Controle Operacional e acionou os agentes do Proeis.

Os criminosos, que haviam embarcado em um articulado no sentido Recreio, foram abordados pelos policiais quando o veículo chegou à estação Asa Branca. Dois deles foram presos em flagrante e o menor, encaminhado à Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente. Os agentes recuperaram os monitores.

O vandalismo e o furto de equipamentos são dois problemas que geram muitos prejuízos ao sistema BRT. Atualmente, há 46 estações fechadas por essa razão. A previsão é que todas elas estejam em funcionamento até setembro de 2021. De janeiro até agora, nove estações já foram reabertas pela Prefeitura do Rio após obras de recuperação.

A equipe de intervenção do BRT informa que o custo mensal referente à reposição de itens furtados, reparos nas estações e direcionamento de equipes para realização dessas obras gera prejuízos em torno de R$ 100 mil.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui