O Buteco do Portuga, localizado em Nova Iguaçu, é o campeão carioca do Comida di Buteco 2018, com o petisco Marmita do Cabral, preparado com lascas de bacalhau com legumes cozidos em requeijão e azeite. Ele agora vai concorrer, junto com os vencedores das outras cidades, ao prêmio de Melhor Buteco do Brasil. Os cinco primeiros colocados foram anunciados na noite de ontem (29), durante evento no Rio Scenarium. Em segundo, ficou o Boteco do Teixeira, em Caxias, com o Boiteco, bolinho de picanha moída temperada, recheado com queijo e bacon, empanado na farinha crocante, servido com pão de alho e molho especial de gorgonzola; seguido do Folia do Boi, em Cachambi, com Conquistando o Sogro, preparado com bacon, calabresa, carne seca e feijão vermelho puxados no azeite com alho e cebola, finalizado com queijo coalho, salsa, cebolinha e alho. Completando o pódio, o estreante Empório Quintana, no Cadeg, ficou em quarto lugar com o Suininho, bolinhos de bacon, calabresa e lombo de porco recheados com queijo provolone e muçarela, acompanhados de barbecue de goiaba, azeite de ervas e mostarda com melado de cana; e em quinto, Colarinho Branco, em Nova Iguaçu, com Operação Força-Tarefa, barriga suína temperada e envolvida no bacon, servido sobre uma rodela de abacaxi caramelizada, acompanhado de cuscuz de feijão de corda.

Já o prêmio de Melhor Garçom, criado pela Rádio Globo, foi para Jailson Ramos, do Bar Limão com Mel, em Maria da Graça. E o Bar do Gallo, localizado na Taquara, ganhou o Desafio Dona Benta, com Pão de Mel no pote – bolo de pão de mel e doce de leite em camadas, servido em um pote de vidro, finalizado com ganache de chocolate meio amargo e dois quadradinhos de chocolate ao leite.

A 11ª edição do Comida di Buteco no Rio de Janeiro aconteceu entre os dias 13 de abril e 13 de maio e contou com a participação de 58 botecos, com representantes das mais diversas regiões da capital fluminense, como Zona Sul (13), Centro (5), Zona Oeste (8), Tijuca/Zona Norte (23) e Paquetá (2); e da Baixada (7). Os botecos participantes foram avaliados pelos jurados e pelo público em quatro categorias: petisco (70%), atendimento (10%), higiene (10%) e temperatura da bebida (10%).

Neste ano, o número de cédulas impressas foi recorde: 250 mil. No ano passado, foram 180 mil em todo o concurso.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui