Crônicas Cariocas: frio no Rio de Janeiro

Frio, para a maioria dos cariocas, é como parente chato na nossa casa: a gente até diz que gosta, mas é ruim de aturar.

Crônicas Cariocas: cinema ‘interativo’

No cinema ninguém mais assiste o filme, liga o celular e fica conectado durante todo o filme, um cinema interativo.

Crônicas Cariocas: o povo do Rio não sabe usar guarda-chuva

Nós, cariocas, não sabemos usar guarda-chuva. Basta andar por uma movimentada rua da cidade em dias chuvosos que se percebe isso de olhos fechados.

Crônicas Cariocas: no embalo do sono

Pegar o ônibus em Curicica para saltar na Taquara, dormir e acordar no Centro, quem nunca? Felipe Lucena nos presenteia com mais uma Crônica Carioca.

Crônicas Cariocas: o Maraca é nosso?

É sempre bom ver o Maior do Mundo pulsando. A torcida (e a luta) é para que cada vez mais, nós tenhamos cada vez menos direitos suprimidos, mesmo que isso pareça uma vitória difícil.