Foto: Divulgação/Cabify

A Cabify, plataforma de transporte privado de passageiros por meio de aplicativo de celular, doará a todos os seus motoristas equipamentos de proteção como máscaras reutilizáveis, álcool gel e película de isolamento entre condutor e passageiro. A medida acontece como tentativa de conter a disseminação do Coronavírus.

No Brasil, a empresa prevê que a distribuição de máscaras e álcool em gel escalonada seja realizada nas 8 cidades (entre elas o Rio de Janeiro) em que atua com carros privados. Já as películas de proteção veicular serão inicialmente instaladas nos carros de condutores que atendam a determinados pré-requisitos, e que atuam em regiões com maior volume de solicitações de viagens. Desta forma, a plataforma prioriza os clientes e motoristas mais ativos, além de, operacionalmente, contemplar boa parcela de pedidos de viagens.

Desde o início da pandemia, a Cabify tem trabalhado para oferecer uma resposta abrangente às novas necessidades e desafios da mobilidade urbana no país. Desta forma, além de seguir com as determinações públicas de recomendações de segurança, a empresa, proativamente, lançou um plano global para facilitar o fornecimento de máscaras, desinfetantes para veículos, e tubos de álcool em gel, a dezenas de milhares de motoristas, bem como a instalação rápida de divisórias de proteção entre motorista e passageiro, no maior número possível de veículos.

”Mesmo antes da quarentena e do aumento do número de casos no Brasil, a Cabify criou um comitê totalmente focado em desenvolver soluções inovadoras e de segurança para todos, sejam estes motoristas, passageiros, clientes corporativos e funcionários. Desta forma, o fornecimento de equipamentos de segurança aos motoristas parceiros faz parte de uma iniciativa que visa aumentar a proteção destes profissionais, que são essenciais no momento em que estamos vivendo”, o presidente da Cabify Brasil, Luis Saicali.

Junto com um programa de recomendações de segurança, a Cabify estabeleceu vários mecanismos para garantir a máxima aceitação e uso dos equipamentos de proteção, de acordo com os requisitos de cada um dos países.

”Convocamos nossa comunidade de motoristas e passageiros a, juntos, preservar a segurança o máximo possível. O uso de elementos de proteção é uma ferramenta vital para aumentar o compromisso de todos contra o coronavírus, além da confiança mútua”, diz Vicente Pascual, Chief of Ride Hailing e cofundador da Cabify.

Importante ressaltar que a película de isolamento entre motoristas parceiros e passageiros, fornecida pela Empresa, tem uma duração mínima de 6 meses, extrapolando, inclusive, o tempo previsto de quarentena no País. Assim, com a adoção de mais essa medida protetiva, a Cabify entende que eventual retomada das atividades pela população, poderá ser realizada com maior segurança e conforto para ambos os lados – motoristas e passageiros.



Toda manhã o resumo do Rio de Janeiro

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui