Legacy 600 Não quis trazer esta nota no período de decisão do COI mas tem que ser lembrada. O governador Sergio Cabral, de acordo com O Globo, pediu ao empresário Eike Batista o jatinho dele emprestado para ir à Copenhague, levando junto o prefeito Eduardo Paes.

 

Não acredito que seja ilegal, mas imoral é! Admiro Eike Batista, um grande empresário, mas como todo grande empresário que tem interesses próprios que não são sempre os mesmo. Ele tem interesses em vários negócios no estado do Rio de Janeiro, como desapropriações em São João da Barra, onde está implantando o Complexo do Açu, entre outros.

 

Qual foi a desculpa de Cabral? Que ele iria se atrasar para o COI… não é crível.  Se Eike ofereceu, não deveria Cabral aceitar. Se Cabral pediu, bem, entra em uma linha bem tênue entre o que é legal e ilegal.

 

E isso sem contar uma comitiva que contava até com o deputado estadual Coronel Jairo…

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui