Segundo a diretoria do COG, o golfe é um esporte que, pela sua própria natureza, não gera aglomeração de pessoas.

Na Barra da Tijuca, o Campo Olímpico de Golfe decidiu manter suas atividades esportivas. Após encerrar no dia 16/03 todas as atividades que poderiam gerar aglomeração de pessoas, antes mesmo do primeiro decreto municipal tratando do isolamento social por conta da pandemia do novo coronavírus, a diretoria do COG decidiu manter a prática esportiva e informa que o fez levando em conta todas normas da Organização Mundial de Saúde.

Segundo o COG, que é dirigido por Carlos Favoretto, “o equipamento atende, rigorosamente, todas as regras municipais, estaduais e federais de combate contra o COVID-19. É importante reiterar que o COG não é um clube. Além disso, possuímos um espaço amplamente aberto, de céu aberto, que não promove aglomerações, nem contato físico.

Projetado pelo arquiteto americano Gil Hanse, o campo é o único da América Latina considerado de “nível internacional” e conta com uma área de 1 milhão de metros quadrados.

Seguindo a uma denúncia publicada pelos jornais O Globo e Extra, a diretoria do Campo publicou uma Nota Oficial explicando porque a prática do golfe no estabelecimento não ofende a nenhuma norma de saúde, decreto ou legislação, federal, municipal ou estadual. Esclareceu, mais, que o afastamento social dentro de um campo de Golfe é muito superior aos 2 metros recomendados pela OMS, e deixou bem claro que os restaurantes, bares e capelas que existem no local seguem fechados, e que nenhum evento está sendo realizado, à exceção da prática esportiva.

O campo conta com 18 buracos com greens cuidadosamente mantidos, aluguel de carrinhos, driving range, aulas de golfe, vestiários e toda estrutura necessária para grandes eventos. Além disso, sediou a volta da modalidade do golfe – após 112 anos excluído das olimpíadas – aos Jogos Olímpicos se tornou um legado para a cidade do Rio de Janeiro. Além das Olimpíadas, o campo já recebeu outros torneios como o Aberto do Brasil e Aberto do Estado do Rio de Janeiro.

O lindo Campo Olímpico de Golfe do Rio está com todos os seus restaurantes, bares e capelas fechados, e funciona apenas para a prática do esporte.

NOTA OFICIAL DA DIRETORIA DO CAMPO OLÍMPICO DE GOLFE

O Campo Olímpico de Golfe é um legado olímpico em pleno funcionamento, estando em total condição para a prática esportiva. É mister esclarecer que:

No dia 16/03/2020, antes de qualquer tipo decreto e medidas de isolamento, a direção do COG determinou o fechamento de todas as atividades que pudessem causar aglomerações, como: restaurantes, bares, eventos e capelas.

Após essa data, de acordo com o primeiro decreto (N° 47006, de 27/03/2020), está claro para nós que as atividades que permaneceram em funcionamento não se enquadram no que é exposto, sendo certo de que não somos clube, assim reconhecido por todos os frequentadores e autoridades olímpicas.

Esclarecemos que as atividades no campo são exercidas, ao ar livre, por pessoas que buscam a prática física para o bem da saúde, e que não há nem aqui, nem no mundo, aglomerações, nem contato físico, entre golfistas, pois resguardam uma distância mínima muito maior do que os 2 metros recomendados pela OMS, autoridade de saúde.

Vale salientar que 95% da área do COG é composta de áreas verdes, em que a sua manutenção, com práticas agrícolas, se faz necessária diariamente, em prol de um campo que tem comprometimento com a vida de diversas espécies de fauna e flora. Isso, também, sem causar qualquer tipo de aglomeração ou perturbação, seguindo as normas de segurança e saúde, estabelecidas pelas autoridades de saúde.

O equipamento atende, rigorosamente, todas as regras municipais, estaduais e federais de combate contra o COVID-19. É importante reiterar que o COG não é um clube. Além disso, possuímos um espaço amplamente aberto, de céu aberto, que não promove aglomerações, nem contato físico.

O OGC compreende claramente os desafios e dificuldades impostas pela Covid-19 e divide o compromisso de manter os empregos, diretos e indiretos, gerados pela sua atividade, bem como a proteção ao meio ambiente a ele imposto pelas licenças e autorizações de funcionamento.

Atenciosamente,
Diretoria do Campo Olímpico de Golfe.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui