Candidatos às eleições são proibidos de subir a palcos do Rock in Rio

Festival ainda recomenda que "empresas, instituições e artistas envolvidos com o evento tenham conhecimento da Lei eleitoral"

Letreiro do Rock in Rio na entrada do Parque Olímpico - Foto: Felipe Lucena/Diário do Rio

Realizado pela primeira vez em 37 anos durante o período de eleições no Brasil, o Rock in Rio 2022 emitiu comunicado onde proíbe a presença de candidatos às eleições deste ano em seus palcos. Além disso, a organização do festival recomendou que “todas as empresas, instituições e artistas envolvidos com o evento tenham conhecimento da Lei eleitoral”.

O festival será realizado de 2 a 11 de setembro na Cidade do Rock, que fica na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. A corrida eleitoral foi iniciada no dia 16 de agosto e a votação acontece no dia 2 de outubro.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui