Foto: Filipe Aguiar/Reprodução O São Gonçalo

Em meio a denúncias de falsa vacinação, ocorridas no município do Rio, em Niterói e em Petrópolis, um ponto de vacinação de São Gonçalo causa polêmica. Segundo informação do portal de notícias G1, o polo sanitário Washington Luiz Lopes, um cartaz colado proíbe que a imunização no local seja fotografada ou filmada. A Prefeitura do município informou que o cartaz é antigo. No entanto, ele é datado desta terça-feira (16/02).

Foto: Lívia Torres/TV Globo

Em outros três municípios do Rio, a polícia investiga a suspeita de falsas vacinações que foram reveladas justamente porque familiares gravaram o momento. Os registros ocorreram em Niterói, Petrópolis e na capital.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde lamentou o que chamou de incidente e diz que os servidores, agora, estão sendo orientados a incentivar as filmagens. O município também afirmou que não registrou casos de falsas vacinações.

O cartaz afixado na sala de vacinação é antigo e foi colocado na tentativa de preservar o servidor que não quisesse ser filmado. Ciente de que não se aplica neste momento, a direção da unidade já removeu o cartaz“.

1 COMENTÁRIO

  1. Não sou advogado, mas acho um absurdo que este delito já não estejar previsto no nosso código penal. Não entendo como depois de vários flagrantes nínguém foi preso.
    É a hora do Bossalnaro parar de pensar em facilitar armas para os seus fãs, e decretar lei punindo com reclusão de 1 ano, ou mais, quem falsamente, simular injeção e/ou quem receber a vacina assim desviada.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui