Foto: Erbs Jr.

Nesta terça-feira, 17/8, a Casa Villarino Bar|Senac Restaurante Escola dá início ao serviço de delivery na happy hour. Os clientes vão poder degustar em casa pratos, sanduíches e petiscos que fizeram história no tradicional estabelecimento do Centro do Rio de Janeiro. O serviço de entrega estará disponível de segunda a sexta, das 17h30 às 20h, para regiões do Centro, Zona Sul e Tijuca por meio dos aplicativos iFood e Rappi. Após nove meses fechado, o Villarino reabriu suas portas na última quarta, 11.08, pelas mãos do Senac RJ.

Cada vez mais, o Shopping Paço do Ouvidor se fortalece como ponto de encontro no Centro do Rio. Passa no Paço.

Entre os clássicos do bar, será possível pedir o Picadinho Carioca (R$54), o Contra-filé a Oswaldo Aranha ($58), a Picanha a Avenida (R$89) e o Arroz de Lula (R$58), sanduíches como o Carne Louca Espanhola (R$32) e o Presunto Cru (R$38), além de bolinhos (R$27 – 10 unid). Outros petiscos como filé aperitivo (R$86), batata frita especial (R$39) e espetinhos individuais de queijo coalho (R$14) também estão disponíveis. Na carta de bebidas, cervejas artesanais como a Masterpiece Premium Pilsen 350 ml (R$ 12) e a Mafia Hoppy American Lager (New York) 473 ml (R$27) além das tradicionais garrafas de 600ml, conforme disponibilidade.

O Senac RJ devolveu a Casa Villarino aos cariocas transformado em um projeto pedagógico na área de Gastronomia. Além do atendimento ao público e do delivery, o estabelecimento, que completou 68 anos, sediará lives com harmonização, cursos de gastronomia de curta duração e se tornará um laboratório para vivência prática de alunos dos cursos regulares do Senac RJ. Também está prevista programação musical com curadoria do Sesc RJ.

Foto: Erbs Jr.

A iniciativa é uma das ações do Sistema Fecomércio RJ para a revitalização da região central da cidade. Tradicional misto de bar e delicatessen, a Casa Villarino é referência da boemia carioca famosa por ter sido o local onde Tom Jobim e Vinicius de Moraes se conheceram e firmaram a parceria que deu origem ao “Orfeu da Conceição”.

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui