Foto: Psol/RJ

O desembargador Marcus Henrique Basílio, segundo vice-presidente do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ), negou a admissão do recurso especial de Ronnie Lessa. O ex-policial é réu no processo que será julgado no tribunal do júri, que apura a morte da vereadora do Marielle Franco (PSOL).

No recurso, os advogados de Lessa pediram absolvição sumária ou declaração da inocência do ex-policial por “ausência de indícios suficientes de autoria ou participação no crime”. A defesa também requer a exclusão da qualificação de “motivo torpe” e “outro meio que dificultou a defesa da vítima” em relação ao homicídio.

O desembargador considerou em sua decisão, que a defesa do ex-policial se limitou a rediscutir as provas anexadas ao processo, o que não é objeto do recurso interposto.

Com a decisão, o juiz do caso, Gustavo Kalil, do 4º Tribunal do Júri, poderá dar seguimento ao processo e designar a sessão para julgamento de Lessa e de Élcio Queiroz, o outro ex-policial acusado pela morte da vereadora e do motorista Anderson Gomes. Ainda cabe recurso da respectiva decisão ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).

A próxima fase do processo é o de requerimento de diligências pelo Ministério Público (MP), pela defesa e pela assistência de acusação. Lessa e Queiroz estão presos desde março de 2019 em um presídio federal de segurança máxima de Porto Velho, em Rondônia.

Costa do mar, do Rio, Carioca, da Zona Sul à Oeste, litorânea e pisciana. Como peixe nos meandros da cidade, circulante, aspirante à justiça - advogada, engajada, jornalista aspirante. Do tantã das avenidas, dos blocos de carnaval à força de transformação da política acreditando na informação como salvaguarda de um novo tempo: sonhadora ansiosa por fazer-valer!

2 COMENTÁRIOS

  1. Meu deus!!!
    Já não deu não?
    Coitada,morreu ,mas chega!!!Morreram trocentas outras mulheres depois dessa daí!!E todas desconhecidas do povo ,assim como ela era,não conheço NINGUÉM q tivesse ouvido falar nela!!!Q encheção!!!

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui