Foto: Divulgação Cedae

Técnicos da Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro (Cedae) desfizeram nesta terça-feira (06/10) uma série de ligações clandestinas, o popular “gato”, que abasteciam lava a jatos e imóveis nos bairros do Engenho Novo, Bento Ribeiro e Riachuelo, na Zona Norte da cidade.

Em Bento Ribeiro, a ação aconteceu nas ruas Oliveira Junqueira e Picuí. No primeiro endereço, a ligação clandestina era utilizada para fornecer água a oito imóveis e um lava a jato. O local tinha quatro caixas d’água de 1.000 litros. No segundo, um lava a jato possuía caixa d’água de 2.000 litros. Também houve operação na Rua Alice Figueiredo, no Riachuelo, e Rua Marques de Leão, no Engenho Novo. Nos dois locais funcionavam lava a jatos, além de oficina no último endereço.

Na segunda-feira (05/10), a ligação irregular foi desfeita em Ramos, na Rua Gerson Ferreira, que abastecia uma borracharia, uma oficina mecânica e um lava a jato. O local possuía duas caixas d’água, sendo uma de 20.000 litros, outra de 500 litros e galão de 1.000 litros.

A Cedae informa que furto de água é crime tipificado no artigo 155 do Código Penal. Denúncias de ligações clandestinas de água podem ser feitas pelo site ou pelo telefone 0800-282-1195.   

 

2 COMENTÁRIOS

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui