Cidades

Cerca de 4 toneladas de resíduos são retiradas de rede de esgoto em Botafogo

Compartilhar

Placas de gordura, e alguns objetos inusitados como bolas, foram retirados da rede de esgoto de Botafogo. Estes resíduos totalizaram cerca de 4 toneladas em 3 dias de trabalho realizado pelas equipes operacionais da Águas do Rio, que atuaram de madrugada, na última semana, para a desobstrução de 2km de tubulação, em um dos polos gastronômicos do bairro. 

O grande vilão é o descarte irregular de óleo. Quando descartado na rede, o óleo não se dissolve em contato com a água e, ao esfriar, vira um bloco sólido capaz de obstruir tubulações, comprometendo a passagem do esgoto. Isso gera extravasamentos indesejáveis, mau cheiro e contribui com a proliferação de insetos. 

É importante que a população saiba que o óleo descartado indevidamente na rede é capaz de obstruir as tubulações e compromete todo o sistema de esgoto. Por isso, nossa equipe, além de realizar a limpeza, esteve empenhada em visitar os imóveis da região, principalmente bares e restaurantes, para levar uma mensagem de conscientização sobre o descarte indevido na rede de esgoto e a importância da limpeza periódica da caixa de gordura destes estabelecimentos”, explicou o superintendente da Capital da Águas do Rio, Sinval Andrade

A ação ocorreu nas ruas Visconde de Caravelas, Conde de Irajá, Capitão Salomão, Visconde de Silva, General Dionísio e Real Grandeza. 

Redação Diário do Rio

Quem ama o Rio lê

Ver comentários

  • Uma boa iniciativa mas deveria ser realizada em toda cidade não só na zona sul , no centro . tijuca , grajau e meier ,jacarepagua etc pois seria uma boa pedida já que são lugares de grande concentração de bares restaurantes e lanchonetes .

  • Acho que seria interessante a criação de um carro coletando resíduos de óleo saturado em bares restaurantes, e quiosques, pôis eu mesmo, já presenciei um funcionário de um restaurante conhecido,despejando um galão de 20 litros de óleo em um boeiro

  • Também gostaria de saber como descartar corretamente óleo usado no cozimento de alimentos.

  • E qual a solução dada pelo Águas do Rio,só rê o descarte do óleo? Eles sugerem o que?