A deputada federal Clarissa Garotinho (PROS), em entrevista ao Informe/O Dia, assumiu que será candidata a prefeita do Rio de Janeiro em 2020. Com exceção de Marcelo Crivella (PRB), é a 1ª pessoa a anunciar sua pré-candidatura.

Melhor nome da família Garotinho, Clarissa já foi candidata a vice-prefeita do Rio em 2012, na estranha chapa que tinha como cabeça o atual presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM). O pai de Maia, Cesar Maia e o pai de Clarissa, Anthony Garotinho, são adversários históricos, não é por acaso que a chapa teve apenas 2,9% dos votos. Eduardo Paes, na época do PMDB, venceu em 1º turno com 64,60% e Marcelo Freixo (PSol) ficou em 2º com 28,15%.

Na entrevista, Clarissa disse que gostaria de ter sido candidata em 2016, mas não foi porque estava com filho recém-nascido e escolheu se dedicar a maternidade. E que o Rio precisa de uma candidatura de natureza popular.

E não pensem que Clarissa é como o pai, mas tem o mesmo estilo combativo. Como nesse poeminha que fez para Cidinha Campos (PDT), o “Esquecidinha”.

Outros nomes colocados até o momento, são:

  • Carlo Caiado (DEM)
  • Bruno Kazuhiro (DEM)
  • Eduardo Paes (DEM)
  • Martha Rocha (PDT)
  • Marcelo Calero(Cidadania)
  • Alessandro Molon (PSB)
  • Marcelo Freixo (PSol)
  • Romário (Podemos)
  • Cabo Daciolo (Podemos)
  • Rodrigo Amorim (PSL)
  • Alana Passos (PSL)
  • Pedro Fernandes (sem partido)
  • Marcelo Trindade (Novo)

Lembrando, que um eventual impeachment de Crivella e uma nova eleição, pode mudar completamente essa lista.

4 COMENTÁRIOS

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui