A candidata pelo PROS a à Prefeitura do Rio em 2020, Clarissa, participou de um encontro, neste domingo (4/10), com o ex-presidente da Torcida Jovem do Flamengo Capitão Léo, na Pavuna, na Zona Norte do Rio. Na reunião, que contou também com a presença de outros rubro-negros e de moradores do bairro, ela ganhou uma camisa do time e ouviu muitas queixas sobre as más condições dos espaços de esporte e lazer do local e do entorno. Vale ressaltar que Clarissa é tricolor.

Vivemos num Rio de Janeiro que sediou as Olimpíadas, mas muitas escolas públicas não têm uma quadra esportiva sequer. E sabemos que esporte e cultura são as duas coisas mais importantes da juventude. O projeto que eu defendo é fazer uma parceria com os todos os clubes cariocas para criarmos, juntos, escolinhas de futebol nas comunidades carentes. Chegou o tempo de construir uma nova história para essa cidade”, disse Clarissa.

Para Capitão Léo, que disputa uma vaga na Câmara dos Vereadores, a prática esportiva é fundamental na vida, dos jovens, principalmente: “O esporte é a interligação entre educação e saúde. É importantíssimo e atua de forma preventiva”, afirmou Capitão Léo.

Integrante da diretoria da Torcida Jovem do Flamengo, Rodrigo Luiz Monteiro classificou como “horrível” o estado dos campinhos de futebol existentes, não apenas na Pavuna, como em outros bairros próximos.

Cheguei a pedir à prefeitura que fosse colocada grama sintética, mas nada aconteceu. Queremos um futuro melhor para as crianças. E sabemos que o esporte pode ajudar muito nisso”, disse.

A candidata do PROS avalia que é necessário unir “boas experiências com novas ideias” para construir um caminho novo para a cidade.

O legado das grandes obras não melhorou a vida das pessoas. Eu não estou aqui para revivermos o que já passou. Não precisamos reinventar a roda, mas fazê-la girar. E botar o Rio para funcionar”, afirmou Clarissa.

Veja algumas propostas de Clarissa Garotinho para o Esporte e Lazer no Rio.

  • Melhorar o ambiente de prática esportiva nas escolas municipais, com a recuperação de quadras poliesportivas, aquisição de novos equipamentos e estimulo à formação de equipes esportivas e à participação em jogos escolares.
  • Implantar um programa de base para a iniciação do desporto de alto rendimento olímpico e paraolímpico.
  • Ampliar o programa de vilas olímpicas na cidade e requalificar os espaços já existentes.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui