Claudio Castro, Antonia Leite Barbosa e Claudio Magnavita

O jornalista Claudio Magnativa fez algo que muitos podem considerar uma loucura completa, relançou um jornal impresso quando muitos dizem que o mesmo está em suas horas finais. E não foi qualquer um, o Correio da Manhã, que funcionou entre 1901 e 1974, e retorna nas mãos de Magnavita em 2019. E não apenas o Correio da Manhã, ele relançou também a Revista O Cruzeiro, que circulou de 1928 a 1975.

Por esta razão, na noite de segunda-feira- 23/11, o jornalista recebeu um dos mais tradicionais prêmios da publicidade, do marketing e da mídia brasileira, o Prêmio Colunistas que é entregue aos profissionais que mais se destacaram nessas áreas desde 1968.

O prêmio, tradicionalmente, é concebido em uma grande festa, mas, em razão da pandemia, foi entregue de forma virtual pelo jornalista e publicitário Marcio Ehrlich, coordenador nacional da premiação, durante prestigiado coquetel realizado no Hotel Fairmont , com a presença do Governador em exercício, Cláudio Castro, do presidente da Alerj , André Ceciliano e de empresários, políticos e amigos de Magnavita, que aniversariava no dia.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui