Comlurb faz testes nesta segunda-feira sobre lavagem e desinfecção das ruas. Foto: Divulgação

A prefeitura começou nesta segunda-feira (23/03) uma operação de limpeza em trechos com grande grande fluxo de pessoas na cidade. O objetivo é desinfectar locais públicos e assim conter a proliferação do Coronavírus.



Siga nossas redes e assine nossa newsletter, de graça

Jornalismo sério, voltado ao Rio de Janeiro. Com sua redação e colunistas, o DIÁRIO DO RIO trabalha para sempre levar o melhor conteúdo para os leitores do site, espectadores dos nossos programas audiovisuais e ouvintes dos nossos podcasts. O jornal 100% carioca faz a diferença.

Os Acessos a estações do metrô, trens, BRTs, pontos de ônibus e hospitais estaduais e municipais serão lavados com detergente. O anúncio foi feito pelo prefeito Marcelo Crivella como medida para minimizar o impacto da pandemia do Covid-19.

O presidente da Comlurb, Paulo Mangueira, disse que serão usados 20 caminhões e 30 pulverizadores. A prioridade será fazer a limpeza em bairros da Zona Sul e Barra que concentram o maior número de casos, bem como o Centro.

Locais onde a população de rua dorme também serão limpos durante o dia.

3 COMENTÁRIOS

  1. Esta desinfecção em locais públicos deveria ser feita de três em três meses, como acontece nas cidades civilizadas pelo mundo.

    Como isto não acontece, mesmo sem o coronavírus, estes lugares são extremamente contaminados e a sujeira impera em pontos de ônibus, estações de metrô e demais locais públicos jogados às traças e às baratas.

  2. Em Niterói, aplicam uma solução melhor, utilizada na China, após contato da Prefeitura com o Consulado Chinês, que protege o local onde aplicado por muitos meses.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui