Com apoio de Cláudio Castro, Márcio Pacheco se torna favorito para o TCE

Castro ligou para os deputados estaduais, tirou a candidatura de Val Ceasa e deve conseguir que Márcio Pacheco seja o próximo conselheiro

Foto: Eliane Carvalho.

Há uma frase do político mineiro Magalhães Pinto muito usada na política brasileira que diz: “Política é como nuvem. Você olha e ela está de um jeito. Olha de novo e ela já mudou.“. Por exemplo, até a manhã de segunda-feira, 20/6, era quase certo que o próximo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ) seria o deputado estadual Rosenverg Reis (MDB), irmão do ex-prefeito de Caxias, Washington Reis (MDB).

Mas tudo mudou quando o governador Claudio Castro (PL) que se mantinha longe, que estava entre Reis, Val Ceasa (Patriotas) e Márcio Pacheco (PL) entrou na disputa. De acordo com a colunista Berenice Seara/Extra, Castro começou a ligar para deputados estaduais pedindo votos para seu líder de governo e ex-chefe, Márcio Pacheco, do qual já foi chefe de gabinete.

A pressão ainda foi maior em Val Ceasa, que já contava com pelo menos 26 votos dos deputados estaduais. Em um encontro com o parlamentar, lembrou que ele tinha indicações dentro do Governo do Estado, os quais poderia perder caso não apoiasse Pacheco. Não valendo trocar o certo pelo muito duvidoso, Ceasa tirou seu nome da corrida e passou a apoiar o candidato do Palácio Guanabara, que assim deve contar com 42 votos dos 70 possíveis, levando a eleição no 1º turno.

Quem não gostou nada foi Washington Reis, que dava como certa a vitória do irmão. Mas seria poder demais na mão de alguém cuja lealdade muitos desconfiam, visto quantas vezes trocou de lado. Há coleguinhas dizendo que está tudo pacificado, mas é de estranhar que não tenha sido Rosenverg a ter retirado sua candidatura, isso depois de ter conseguido o apoio do União Brasil e do PSD. Mas cada um acredita no que quer.

Advertisement

2 COMENTÁRIOS

  1. “Política é como nuvem. Você olha e ela está de um jeito. Olha de novo e ela já mudou.“. Por exemplo, até a manhã frase do esperta do esperto saudoso Magalhães Pinto .

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui