Hoje mesmo o DIÁRIO deu o furo da nova loja da Casa&Vídeo que vai abrir na esquina da Avenida Princesa Isabel com a Avenida Copacabana. Um pouco antes, outra notícia dada em primeira mão por nós deu conta das obras do novo Méqui (McDonald’s) na mesma avenida que liga o túnel à praia, junto ao Teatro Princesa Isabel. E um mês atrás mencionamos a inauguração da franquia fastfood Dez Pastéis, em plena Avenida Atlântica. Estas matérias tiveram muito sucesso e acessos, assim como comentários e engajamento, até porque a degradação do bairro vinha sido um assunto freqüente nas redes sociais.

Parece mesmo que algo está mudando para o bem – senão tanto na esfera da conservação e do controle da mendicância, na perspectiva do comércio local. Muitas lojas vinham fechando desde antes da pandemia, e intensificou-se muito mais durante o período em que o mundo sofreu mais com a COVID-19. Mas agora, o festival de lojas alugadas anima corretores, moradores e comerciantes. São dezenas de locações novas sendo assinadas no bairro nos últimos meses. E não são apenas farmácias, como constantemente o carioca se queixa. São restaurantes, lojas, imobiliárias, padarias, supermercados e todo o tipo de comércio.

As duas lojas da Barata Ribeiro 83, fechadas há muito tempo, junto à rua Ronald de Carvalho – coisa de anos, finalmente encontraram novos ocupantes. A loja A vai ser uma charmosa cafeteria, enquanto a loja C vai ser uma loja de alimentos a granel, no estilo popularizado pela famosa Casa Pedro, que por sua vez alugou uma loja no Lido, de frente para a Escola Roma, num belíssimo prédio em estilo art déco, em plena Avenida Copacabana. E pra deixar tudo em casa, os negócios foram fechados pela Sergio Castro, imobiliária que também acaba de ‘pegar’ uma loja no bairro. “Serão mais de vinte inaugurações de novos comércios aqui em Copacabana, contando com as próximas semanas“, comemora André Cyranka, diretor da imobiliária, que retorna agora ao bairro. “Todas as lojas que não pedem luvas estão sendo alugadas. O comércio está resistente ao pagamento de luvas no bairro, mas os negócios sem esta cobrança estão acontecendo fácil na nossa carteira”, diz o corretor.

A coisa não termina por aí. Na Miguel Lemos, ao lado do Bibi Sucos, abriu a Açaí Concept, mais uma surfando na onda da frutinha da amazônia. Os balões coloridos nas cores azul, verde e branco denunciam a bonita fachada da nova filial da ótica Mercadão dos Óculos, na parte externa da lindíssima Galeria Real, quase na esquina da Bolívar, pela Avenida Copa. O corretor de lojas Sergio Finkel deve estar comemorando a locação de uma loja para um novo Pet Shop, que já está em obras, nas mesmas imediações. O aclamado Magalu, que já entrou firme no Rio através de seu popular site de comércio eletrônico, inaugura agora sua primeira loja de rua na Cidade Maravilhosa, e, como noticiamos, em Copacabana. A loja está quase pronta e fica no número 750 da avenida que leva o nome do bairro. Enquanto isso, na esquina da rua Francisco Sá com a Raul Pompéia, uma nova padaria de alto padrão vai ser inaugurada.

Além de locações novas, nota-se uma espécie de dança das cadeiras. A saudosa loja de discos Modern Sound, que havia virado Leader, e já vinha fechada há muito tempo na Avenida Barata Ribeiro, foi alugada para a rede de supermercados Supermarket. A antiga Wollner, na Constante Ramos 61, será a nova filial da Sergio Castro Imóveis em Copacabana: a empresa havia saído de uma sobreloja na Siqueira Campos, anos atrás. A Mary Zaide, na mesma rua, abandonou o ponto há mais de um ano, e será o novo endereço da Ao Bicho da Seda, que desocupou a esquina da Avenida Copacabana com a mesma rua, mas que já foi alugada à loja de roupas Taco. A Julio Bogoricin fechou sua loja grande na Barata Ribeiro em frente ao Hotel Royalty Rio, mas já anunciou a abertura da sua nova loja, no 662 da mesma rua. A Mini So é outra que mudou de endereço; saiu de uma transversal e foi pra Avenida Copacabana 766. No lugar da antiga Casa Assuf, uma loja de produtos naturais já até foi inaugurada.

Alegria pros amantes de fast-food: Mc Donald’s abre um de seus restaurantes bem no coração da Avenida Princesa Isabel

São dezenas de inaugurações previstas para os próximos meses, além das que conseguimos descobrir e citamos aqui. A pujança do novo comércio de Copacabana parece ser uma nova realidade, que é comemorada pelo presidente da Sociedade Amigos de Copacabana, Horácio Magalhães: “Nas últimas semanas podemos constatar que o bairro, mesmo sofrendo com os efeitos econômicos da pandemia, está passando por um processo de revitalização. Viva Copacabana“, comemora, citando também o caso da loja da Light que seria fechada, na Rua Barão de Ipanema, mas que após a matéria publicada no DIÁRIO DO RIOacabou tendo seu encerramento cancelado pela concessionária.

O carioca adora reclamar da quantidade de farmácias que abrem pelas ruas da cidade. As novas lojas que vão abrir em Copacabana são de praticamente todos os ramos e atividades, como vimos aqui. Mas, pra que os reclamões de plantão tenham algo pra falar: na esquina da Figueiredo Magalhães com a Barata Ribeiro, onde por anos funcionou a lanchonete Sumol, vai abrir uma nova drogaria. Que venham as vaias 😉

10 COMENTÁRIOS

  1. olá, boa tarde! graças a deus noticias boas 🙂
    eu e tantos outros jovens desempregados precisamos de oportunidades!
    gostaria de saber se tem algum site ou email que eu possa enviar o meu curriculo para trabalhar em uma dessas empresas.
    se alguém poder me informar me ajudaria muito! obg!!

  2. Inaugurou ano passado também uma loja em frente ao Stalos na Nossa Senhora a :Harmonia facial! Sou cliente e estou amando finalmente posso fazer botox e preenchimento a preço justo. Parece que eles irão ter uma especialista em terapia capilar também ! To animada em tratar lá as profissionais são ótimas uma é super famosa na área!

  3. Que noticias boas! Lendo isto, o que eu vejo são EMPREGOS que isto gera, nas familias sustentadas, nas crianças com comida na mesa, nas chefes de familia e nos chefes de familia dormindo tranquilos. Até cogito – diante dos 160 mil habitantes de Copa!!! – abrir loja lá, invés da que vamos abrir em Botafogo (que tem cem mil hab.). Mas ainda me dá um tanto de medo da (in)segurança – calcanhar de Aquiles em Copa, né? Tomara que com tanto movimento, comércio vivaz, haja mais dificuldade pros nóias assaltarem e fugirem. Porque do jeito que tava fica difcil trabalhar pra sustentar os “sócios” que vêm buscar a parte deles com arma na mão.

  4. Pena que os comerciantes estao investindo num bairro que nao tem seguranca, as ruas estao lotadas de pedintes, mendigos e cracudos que te ameaçam a toda hora. Vc nao anda mais em Copacabana livremente. Sinceramente, nao recomendo que venham.

  5. A segurança está boa? Tenho vontade de ir,mas, falaram dos dependentes químicos, que até apareceu em reportagem, roubando o corrimão da entrada de um prédio. Se alguém me responder, eu agradeço.

  6. Gostei mto da matéria.
    Moro em Copacabana há anos
    Já vi muitas lojas novas que eram no shopping
    Rio Sul
    Pelo que li as lojas que virão vão valorizar
    Mto o bairro
    Temos um dos hotéis mais chiques o Copacabana Palace ,onde os maiores artistas se apresentam, perfeito!!!!!!

  7. Um McDonald’s na Av. Princesa Isabel. Creio que teremos um novo ponto de encontro de todos os pedintes que já habitam aquela região.
    Aliás, no lugar da Só A Rigor, será inaugurada uma Casa & Vídeo.

  8. Na Barata Ribeiro 458, esquina com Figueiredo Magalhães depois de um bom período fechada agora ganhou um novo dono. Uma linda loja Ortobom foi inaugurada em março deste ano e já vem trazendo um novo conceito super moderno da marca.

  9. Que sejam negócios de sucesso, boa sorte! Os negócios que sobreviverem à pandemia vão lucrar bastante: muito negócio quebrou e desapareceu. Quem ficar vai herdar a demanda remanescente.

  10. A matéria está ótima, é isto que o morador gosta, de informação.
    O RIO não pode pará, uma cidade de grãnde influência turística e onde sediou mega eventos, temos que mostrar o que temos de bom, informando a nós moradores e a quem chega.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui