Foto: Alexandre Macieira/Riotur

VOCÊ SABIA, CARIOCA?

Segundo o site Superinteressante, a distribuição dos códigos de Discagem Direta à Distância (DDD) é ordenada pelo desenvolvimento dos estados, mas não tem nada a ver com a geografia.

Os códigos de discagem iniciados por 1 ficaram com São Paulo, o estado com maior número de habitantes e maior densidade demográfica em 1969, ano de criação do DDD.
A capital ficou com 11 e as cidades do interior paulista ficaram entre 12 e 19.

Em seguida, vieram Rio de Janeiro e Espírito Santo, com códigos iniciados por 2, Minas Gerais por 3 e assim por diante.

Ué, Rio de Janeiro e Espírito Santo tem o mesmo código?
A resposta é SIM!
A diferença está no número seguinte:

021 RJ
022 RJ
024 RJ

027 ES
028 ES

Gostou? Compartilhe com os amigos!
Aproveita e segue a gente lá no instagram.com/diariodorio
Marque #diariodorio nas fotos da cidade e faça parte do nosso espaço de AMOR ao Rio!




4 COMENTÁRIOS

  1. Sabe porque Teresópolis, na região serrana tem código DDD 21, que é o mesmo da capital, e Petrópolis também na região serrana tem código diferente DDD 24? Na época da implantação do código DDD, vivíamos no governo ditatorial militar e o presidente na época da implantação morava em Teresópolis, ligações DDD (que tinham código diferentes 021 para o Rio de Janeiro, cidades próximas e Teresópolis) para outros códigos DDD custavam bem mais caras do que para mesmo código DDD e para mesmo código DDD, como ainda é hoje, gastava ligar sem colocar o código DDD, assim podemos ligar do Rio de Janeiro capital para Teresópolis apenas digitando, na época era discando, o número do telefone.

  2. E os números intermediários são reservados para esses estados. É um sistema que foi bem pensado por quem inventou – se não me engano, pela Embratel/Telebrás.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui