Primeiro paciente a ser infectado de maneira grave pelo Coronavírus no Rio de Janeiro, o médico e ex-vereador Édison Regio de Moraes Souza, também conhecido como “Edson da Creatinina”, de 65 anos, está curado da doença e recebeu alta neste sábado (18/04).

Ele havia dado entrada na emergência do Hospital Quinta D’Or, em São Cristóvão, na Zona Norte da cidade, no dia 13/03, e passou mais de 1 mês internado por lá.

Édison Regio de Moraes Souza – Foto: Reprodução/Internet

Quando chegou ao local, Édison apresentava um quadro de “graves disfunções respiratória e renal”. Ele ficou hospitalizado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), onde recebeu suporte ventilatório e hemodiálise.

Segundo informações do hospital, Édison foi, aos poucos, apresentando melhoras, e isso permitiu a diminuição dos sedativos. Posteriormente, passou a respirar sem auxílio de aparelhos.

Agora, em casa, o paciente será acompanhado por um médico assistente.

1 COMENTÁRIO

  1. IMAGINA TODO O PACIENTE PRECISAR FICAR ATÉ 30 DIAS NO HOSPITAL OCUPANDO LEITOS

    SE 15% PRECISAM DE ATENDIMENTO HOSPITALAR SENDO 5% CRÍTICOS, CASO SEJA FLEXIBILIZADO O ISOLAMENTO, O SISTEMA DE SAÚDE ENTRA EM COLAPSO E ISSO VAI FICAR PARECENDO A NICARÁGUA, COM CORPOS NAS RUAS.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui