Na manhã deste domingo (05/04), foi anunciada pelo prefeito Marcelo Crivella, visando a ampliação da necessidade de evitar aglomerações, a criação de um decreto no Rio de Janeiro que terá como finalidade estabelecer turnos de trabalho para os setores da indústria, comércio e serviços.



Siga nossas redes e assine nossa newsletter, de graça

Jornalismo sério, voltado ao Rio de Janeiro. Com sua redação e colunistas, o DIÁRIO DO RIO trabalha para sempre levar o melhor conteúdo para os leitores do site, espectadores dos nossos programas audiovisuais e ouvintes dos nossos podcasts. O jornal 100% carioca faz a diferença.

“O início do primeiro turno será para os setores das fábricas, depois as atividades essenciais mantidas abertas e, na sequência, o setor de serviços. Essa medida tem por objetivo acabar com a lotação dos meios de transportes, evitando aglomerações contagiosas”, detalhou Crivella, ainda complementando: “Todos os esforços feitos pela Guarda Municipal, Polícia Militar e pelos fiscais da Secretaria municipal de Transportes se mostraram ainda insuficientes. Pensamos nesta opção desde o dia 13 de março, quando fizemos nossa primeira reunião do gabinete de crise. Mas por falta de implementação voluntária, passará a vigorar por força de lei”.

O decreto será publicado no Diário Oficial, em edição extraordinária, ainda neste domingo ou no início desta semana.

Crivella aproveitou para informar, também, que José Eduardo Nobre Nata, juiz responsável pela 9a Vara Criminal Federal, solicitou à Prefeitura a apresentação de projetos de enfrentamento ao Coronavírus, para que, com isso, os recursos “sequestrados” pela Justiça na Operação Lava-Jato sejam liberados.

“Agradeço por essa iniciativa do doutor José Eduardo Nobre Mata. Usar o dinheiro desviado no esquema de corrupção que estraçalhou as finanças públicas para ajudar a população é perfeito. Já determinei que os secretários apresentem projetos o mais rapidamente possível”, finalizou o prefeito.

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui